Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Cercados de mistério, Remo e Paysandu escondem titulares para final do Parazão; veja

Com vários atletas machucados, Remo e Paysandu fazem mistério sobre condição dos atletas e prováveis substitutos

Luiz Guilherme Ramos

Na partida de véspera da grande final, Clube do Remo e Paysandu sofreram baixas significativas em seus elencos. Apesar disso, ainda não se sabe exatamente qual será a formação titular adotada pelos técnicos, mantendo assim um ar de mistério, que normalmente rodeia o Re x Pa às vésperas de um jogo tão importante.

Na trajetória bicolor, a partida contra o Águia de Marabá trouxe perdas. De uma vez só Danrlei, Bileu e João Paulo deixaram o gramado machucados. Danrlei e Bileu sentiram a coxa direita e João Paulo machucou o pé. Os três foram encaminhados para o departamento médico, mas a comissão técnica optou pelo silencia, na tentativa de não municiar o adversário. Assim, Márcio Fernandes optar por um ataque formado por dois ou três homens, com Henan e Toscano, ou Robinho, se assim desejar.

Na lateral-esquerda pode ser que apareça Patrick Brey, enquanto Yure é opção na vaga de Bileu. O restante do time deve permanecer o mesmo. Por hora, o Leão Azul tem duas dúvidas que também guardam silencio sobre suas existências. Paulo Bonamigo precisa ter substitutos para Erick Flores e Everton Sena. O caso de Flores é mais delicado, haja vista que o camisa 10 é o reserva imediato de Felipe Gedoz, também lesionado. Uma das opções é por Ronald. As demais podem alterar o esquema tático dos azulinos, mas isso também é guardado a sete chaves.

Na vaga de Sena, Bonamigo tem a opção de Kevem, além de outros atletas de defesa. A tendência é que os dois times mantenham a mesma base do jogo passado. O maior artilheiro do time bicolor, o atacante Danrlei, por está fora, deixa o time sem uma peça importante, mas conta com a boa fase do colega Henan, que marcou na vitória contra o Águia.

O mesmo pode ser dito sobre o ataque remista. Com Bruno Alves e Brenner, os maiores goleadores do time. Mistérios por todo lado que conferem ao Re x Pa decisivo um dos mais instigantes dos últimos tempos. Remo e Paysandu jogam a partir das 18 horas deste domingo, no estádio Evandro Almeida. O jogo de volta acontece na próxima quarta, às 20 horas, na Curuzu. 

Futebol
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM FUTEBOL

MAIS LIDAS EM ESPORTES