Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Copa do Mundo 2022: Folga é obrigatória nos dias de jogo da seleção brasileira?

A resposta é não; acordos entre funcionários e empregadores podem ocorrer

Gabriel Mansur

Com a divulgação dos jogos da seleção brasileira na Copa do Mundo de 2022, os torcedores começam as preparações para a exibição da competição, que ocorrerá em menos de dois meses, com estreia no dia 20 de novembro. Com os três jogos do Brasil ocorrendo em dias da semana, pela tarde, resta a dúvida: Vai ter “folga” nos dias que a seleção joga?

VEJA MAIS

Copa do Mundo: veja os jogadores brasileiros mais caros que ficaram de fora da última lista de Tite
Danilo, do Palmeiras, e Gabriel Jesus estão na lista de jogadores mais caros do site Transfermarkt; Os jogadores não irão participar dos últimos amistosos antes da Copa, que irão acontecer ainda em setembro

Copa do Mundo: Saiba quais craques não vão participar da competição; estrela do City está de fora
Seja por lesão ou por não classificação nas Eliminatórias, diversos jogadores irão ficar de fora da Copa; Itália e Chile são as seleções que surpreendem ao não participar da competição

Copa do Mundo: Argentina, Chile, Paraguai e Uruguai lançam candidatura para sediar o Mundial de 2030
Os quatro países realizam um evento no Estádio Centenário para oficializar a candidatura; Portugual e Espanha serão fortes concorrentes

Com a expectativa para a Copa no Qatar, muitos brasileiros querem saber se o dia de jogo do Brasil dá direito a folga. Apesar de ser considerado o maior evento esportivo do planeta, os dias de jogo da seleção brasileira não são considerados feriados e nem dão direito a folga. Com isso, a legislação trabalhista não obriga os empregadores a liberarem seus funcionários.

Entrevistado pelo jornal O Povo, o advogado Plinyo Paccioly explicou que a decisão de liberação ou não, é pessoal: “Para que haja uma dispensa parcial ou total nos dias de jogos, é facultada ao empregador essa autonomia”. Acordos entre patrão e funcionário podem ser realizados para os dias em que a seleção brasileira for jogar.

Acordo entre empresa e funcionário pode ser a solução

“Na prática, há sim empresas que fazem acordo coletivo com seus colaboradores, para que encontrem uma maneira de compensar as horas destinadas a assistir a Copa. Logo, pensando no melhor ambiente para o trabalhador, sem trazer danos futuros a empresa”, explicou o advogado.

A falta sem justificativa pode gerar consequências negativas para o trabalhador, seja com desconto de salários ou até mesmo a demissão. Portanto, vale a pena conferir qual a decisão que será tomada por seu empregador e encontrar um consenso

(Estagiário Gabriel Mansur, sob supervisão do editor executivo de OLiberal.com, Carlos Fellip)

Copa do Mundo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM ESPORTES

MAIS LIDAS EM ESPORTES