Imposto de Renda: Consulta ao lote residual já está disponível; saiba como consultar

Mais de 11 mil contribuintes paraenses terão direito ao lote

Emilly Melo
fonte

A Receita Federal liberou na quinta-feira (22) a consulta ao lote residual do Imposto de Renda e Pessoa Física (IRPF) referente ao mês de dezembro de 2022. Em todo o país, são 488.637 contribuintes beneficiados pelo crédito bancário. Desse total, mais de 11 mil são paraenses. 

VEJA MAIS

image Meu INSS: saiba como emitir extrato para Imposto de Renda pelo celular
Este serviço pode ser usado para efetuar a Declaração Anual de Imposto de Renda da Pessoa Física (DIRPF)

image Dinheiro de volta da pensão alimentícia: saiba como pedir devolução do Imposto de Renda recolhido
Todo o imposto pago nos últimos cinco anos poderá ser objeto de pedido de restituição, ressarcimento, reembolso ou declaração de recompensa; saiba como solicitar

No âmbito nacional, o valor total disponibilizado é de R$ 903.375.493,48, sendo destinados R$ 16.745.109,24 aos 11.934 contribuintes no Pará. Já na 2ª Região Fiscal, composta pelos estados do Acre, Amazonas, Amapá, Pará, Rondônia e Roraima, 25.216 contribuintes terão direito a créditos no valor total de R$ 36.970.502,39

Os contribuintes atendidos pela Delegacia da Receita Federal em Belém e unidades jurisdicionadas somam 6.555 contribuintes que terão direito a R$ 11.234.785,15. Enquanto em Marabá, serão R$ 3.771.817,44 para 3.560 contribuintes e em Santarém são R$ 1.738.506,65 para 1.819 contribuintes. 

Como consultar a restituição

Para consultar a restituição, o contribuinte deve acessar a página da Receita Federal. A página apresenta orientações e os canais de prestação do serviço, permitindo uma consulta simplificada ou uma consulta completa da situação da declaração, por meio do extrato de processamento, acessado no e-CAC. Se identificar alguma pendência na declaração, o contribuinte pode retificar a declaração, corrigindo as informações que porventura estejam equivocadas. 

(*Emilly Melo, estagiária, sob supervisão de Hamilton Braga, coordenador do Núcleo de Política)

Palavras-chave

Economia
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM ECONOMIA

MAIS LIDAS EM ECONOMIA