76% de 400 micro e pequenos empresários esperam faturamento cair

Pesquisa ouviu empresários dos setores de comércio e serviços

Agência Estado

Diante dos efeitos da pandemia de coronavírus sobre a atividade econômica, 76% de cerca de 400 micro e pequenos empresários consultados pela Boa Vista esperam redução do faturamento nos próximos 90 dias, sendo que 52% veem contração de mais de 50%, informa a instituição, em nota. A pesquisa ouviu empresários dos setores de comércio e serviços. Parcela de 26% dos entrevistados espera recuo de 31% a 50%, enquanto 22% têm expectativa de queda até 30%.

A pesquisa também constatou que 75% dos micro e pequenos empresários se dizem muito preocupados com os impactos da pandemia da covid-19 em seus negócios, sendo que a principal preocupação é em relação às despesas com aluguel, energia e manutenção, ou seja, os gastos necessários para manter a empresa funcionando.

Diante disso, 68% dos empresários consultados afirmaram que têm feito o balanço financeiro do negócio diariamente. Para 61% dos entrevistados, a atitude mais importante neste momento é evitar despesas que não sejam extremamente necessárias. Além disso, 22% já estão renegociando suas dívidas com instituições financeiras.

"No atual momento econômico, as empresas precisam garantir que os pagamentos continuem acontecendo, para manter seu fluxo de caixa e evitar ter de recorrer a bancos para obter capital de giro. Ter um processo de cobrança estruturado e eficiente é fundamental", analisa Lola de Oliveira, diretora de Marketing da Boa Vista.

Segundo o levantamento, a representatividade das vendas online continua baixa. A Boa Vista afirma que as empresas têm aumentado a atuação no e-commerce, mas 47% já usavam essa ferramenta. Além disso, 31% dos consultados apontam dificuldade na prospecção qualificada de clientes.

Economia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!