Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Uagner Rosado se destaca como revelação do 'trap'

Músico lançou recentemente o single 'Sistema' e se inspira em Djamila Ribeiro

Caio Oliveira

Uagner Rosado é um jovem artista fluminense que vem trabalhando na produção musical em vários estilos, com seu som contendo influências do pop e R&B. Em seu último lançamento, “Sistema'', canção lançada em outubro de 2020, o músico investiu pesado no trap, um subgênero do rap que se originou nos Estados Unidos e bebe muito da música eletrônica, mas ele conta que essa é apenas uma das vertentes de seu trabalho. “Eu nunca quis ter só um estilo”, conta o artista em conversa com O Liberal.

Em sua última canção lançada, disponível nas plataformas digitais de música e com videoclipe no YouTube, o músico LGBTQIA+ fala sobre as tentativas de driblar esse sistema e que todos nós estamos inseridos. Em um dos versos, ele cita a filósofa e escritora negra Djamila Ribeiro, uma de suas inspirações para escrever sobre questões sociais em suas canções.

“Eu estudo museologia aqui na Unirio, e quando eu falo da questão da saúde mental, é sobre essa questão também do capitalismo. A gente vive no capitalismo e não dá pra ficar viajando muito. Cada pessoa tem seus ideais, e um certo tempo atrás, eu cheguei a ter muita raiva do sistema que a gente vive, esse capitalismo selvagem. Mas eu também não quero ser oposição ao sistema. Eu digo nessa música que eu entendi que o capital é importante, necessário, então eu vou buscar e correr atrás dos meus objetivos de forma honesta, trabalhando, estudando, e no verso ‘Djamila disse: saúde mental, é porque é importante a gente cuidar da nossa mente também”, explica o jovem natural de Nilópolis, município da Região Metropolitana do Rio de Janeiro.

Neste ano, Uagner comenta que se prepara para mais lançamentos, mas como artista independente que luta por seu espaço, ele ainda precisa organizar sua carreira e superar algumas barreiras impostas pelo já citado sistema para ter condições de investir nessa nova fase.

“Eu tenho já duas músicas prontas, e eu só não lancei ainda devido à pandemia e algumas questões pessoais, como falta de investimento. Eu quero lançar esse material e ter como impulsionar no Spotify, no YouTube, tentar ter um retorno maior dessa vez e realmente impulsionar minha carreira”, disse Uagner, que é categórico ao afirmar que não vai desistir. “Isso não é uma brincadeira, é meu sonho, então, eu dei um tempo para poder pensar nisso, resolver outras coisas em casa e depois lançar esses materiais”, pondera.

Sobre esses novos projetos, o músico adianta que vai mostrar a amplitude de suas influências musicais com duas canções diferentes uma da outra, tanto nos temas quanto no ritmo. “Eu tento mesclar. Eu pego um pouco de influência do trap, de influência do pop, do rap, e vou fazendo. Um dos próximos lançamentos é um pop mais romântico, R&B e fala sobre superação, amor, e desavenças sobre relacionamentos. A outra é uma pegada mais rap, trap, dançante, fala sobre safadeza e curtição”, encerra Uagner Rosado.

Palavras-chave

Música
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM MÚSICA

MAIS LIDAS EM CULTURA