Sessão especial de 'Vingadores - Ultimato' reúne crianças em tratamento contra o câncer

Sessão foi realizada a pedido dos pequenos, que ainda ganharam camisetas dos personagens

As crianças que fazem tratamento contra o câncer no Hospital Oncológico Infantil Octávio Lobo, em Belém, sempre participam de atividades lúdicas e animadas, que estimulam e tornam o tratamento mais rápido. E na terça-feira, 14, elas puderam assistir a uma sessão especial de 'Vingadores Ultimato', no Shopping Bosque Grão-Pará.

A escolha do filme foi pedido de uma das crianças do hospital, segundo a supervisora de humanização da instituição, Tirza Ferreira. “A partir disso começamos a ir atrás dos parceiros. Entramos em contato com o shopping e eles falaram com a administração do cinema, que abriu o espaço para essas crianças, que fazem tratamento oncológico com a gente no hospital”, contou Tirza.

“Teve gente que nunca tinha vindo a uma sala de cinema e hoje teve a oportunidade. Foi uma experiência ímpar para eles, principalmente porque a escolha do filme foi assertiva. Eles gostaram bastante e isso deixa a gente muito feliz”, acrescentou.

Grupo teve uma sessão exclusiva e pipoca liberada para o filme (Divulgação)

Para Tirza Ferreira, a manhã proporcionada para as crianças ajudou a amenizar o cansaço da rotina hospitalar, causado pelo tratamento do câncer. “É um tratamento que a gente sabe que não é fácil, ele é prolongado, às vezes, agressivo ao paciente, e tudo o que pudermos fazer, para que eles tenham tratamento mais humanizado, a gente busca parceiros, tenta fazer tudo o que for possível para que eles se sintam mais acolhidos ainda”, declarou.

As crianças também ganharam camisas dos personagens de “Vingadores - Ultimato” dos gerentes de lojas instaladas no shopping. “Nós ficamos imensamente felizes em poder participar da vida dessas crianças e tirá-las um pouquinho de dentro do hospital. Logo na recepção, dava para ver no olhar de cada um o quanto eles estavam muito alegres também de estar ali”, festejou o coordenador de marketing do Grão-Pará, João Vyctor Fonseca.

Com pipoca e água, liberadas pelos nutricionistas das crianças e doadas pelo shopping, durante a sessão, os olhares estavam atentos ao telão e ansiosos por cada cena do filme. “O hospital sempre procura esse tipo de evento para as crianças, mas essa ideia do cinema eu achei muito bacana. A gente se divertiu bastante, os meninos puderam brincar, sorriram muito durante a sessão”, contou Luanny Barreto. Ela é mãe do paciente Leonardo Vinícius, que faz tratamento no Hospital Octávio Lobo, após ter retirado um tumor cerebral.

Cinema
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!