Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

DESENVOLVIMENTO PESSOAL E PROFISSIONAL

POR RICARDO TOMAZ | @ricardotomaz_

Tecnólogo em Gestão de Recursos Humanos com formação em Educação Corporativa, Carreiras com ênfase em Gestão de Pessoas. Analista de Treinamento e Desenvolvimento. Ator, palestrante, terapeuta holístico vibracional e Líder do Yoga do Riso

Como eu superei o medo de escrever

Ricardo Tomaz

O medo de escrever é bem mais comum do que pensamos. Ouvi muitas pessoas comentarem que nunca pensaram em escrever algo, no sentido de criar um conteúdo próprio. Tenho a total convicção que esta é uma habilidade natural, necessária na atualidade e que pode ser aperfeiçoada com dedicação.

Há cinco anos me deparei com essa necessidade quando ficou bem claro o meu propósito de vida: multiplicar conhecimento. Logo pensei que a primeira atitude era voltar ao ambiente acadêmico pela busca de novos conhecimentos, de fato minha estratégia trouxe novos horizontes. Devido a este fato desmitifiquei que apenas estudantes, mestres e doutores podiam escrever algo voltado para as áreas profissionais. Descobri que uma carreira sustentável vai além do conteúdo teórico, mas principalmente o estratégico e comportamental.

Sou extremamente grato por tudo que venho aprendendo, mas questiono vários aspectos sobre a titularidade. Conclui que todos podem escrever, seja um artigo, história, um poema, posts variados nas redes sociais. Existem tantos locais onde podemos expressar ideias, opiniões, críticas, arte e amor. Perdi o medo quando adquiri o livro do publicitário e jornalista Rubens Marchioni, “Escrita Criativa – da ideia ao texto”, o autor começa sua obra motivando quem quer que seja a escrever, a dar o primeiro passo. Segundo ele: “Se você convive com o medo de escrever é exatamente porque precisa escrever”. Após ler esta obra percebi que escrever significa persistência, disciplina, coragem (você se olha no espelho) e comprometimento com sua carreira. Logo depois percebe que o processo de engajamento surge e a satisfação em começar um novo parágrafo é muito grande.

Voltei a estudar o Português, pois é fantástico, rico e cheio de normas que possibilitam o vigor das palavras e das orações. Rever assuntos que há muito tempo não estudava foi algo até nostálgico e olha que incrível, comecei a lembrar de momentos da minha vida escolar, me surpreendi. Hoje estudo uma nova fase da escrita, do argumento e das ideias, o Copywriting. Uma ferramenta que me encantou logo de cara, pois além de incentivar aos estudos, também dá a possibilidade de escrever de uma forma que acolha a todos, com o objetivo de informar, persuadir, ensinar, atender e até refutar ideias.

Segundo um dos meus atuais mentores, o comunicador, empreendedor e estrategista digital, Ícaro de carvalho, “escrever bem é tudo, faz ler melhor e faz você aprender mais rápido”. Portanto, ler é um dos mecanismos que além de trazer conhecimento também enriquece o nosso vocabulário. Ele diz também que: “O copywriter é uma das profissões mais polivalentes que existem e enquanto carreira é uma das mais antifrágeis”. A escrita é versátil e se você consegue dominar outros idiomas, por exemplo, você tem um leque de possibilidades de trabalho neste novo mundo digital.

Quero deixar uma mensagem de incentivo para quem quer começar a escrever, para mim o que era apenas um hobby se transformou em profissão e satisfação, tudo em prol de cumprir com meu propósito de vida, que tanto me deixa feliz. Agora, comece a escrever!

Ricardo Tomaz
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM RICARDO TOMAZ