Carlos Ferreira

Jornalista, radialista e sociólogo. Começou a carreira em Castanhal (PA), em 1981, e fluiu para Belém no rádio, impresso e televisão, sempre na área esportiva. É autor do livro "Pisando na Bola", obra de irreverências casuais do jornalismo. Ganhador do prêmio Bola de Ouro (2004) pelo destaque no jornalismo esportivo brasileiro.

Papão emplacando a 7ª artilharia regional consecutiva

Carlos Ferreira

A coluna monitora a artilharia regional de toda a temporada desde 2011, quando o bicolor Rafael Oliveira fez 27 gols. Depois,

Rafael Paty (Cametá e Santa Cruz/2012, 23 gols), Danilo Galvão (Águia/2013, 21 gols), Lima (PSC/2014, 20 gols), Pikachu (PSC/2015, 20 gols), Leandro Cearense (PSC/2016, 13 gols), Bergson (PSC/2017, 28 gols), Cassiano (PSC/2018, 20 gols), Nicolas (PSC/2019, 12 gols).

Nicolas, destacado esta semana como 11° artilheiro do Brasil em 2020, com 14 gols que tinha antes do jogo contra o Treze/PB, vai  tornando-se o primeiro bi-artilheiro nesse ranking regional. É a sétima artilharia de temporada paraense consecutiva para o Papão, quarta de jogador gaúcho.

Ninguém do Leão no ranking

O ranking regional de artilharia  (temporada inteira) não mostra ninguém do Remo. Jejum muito grande para um clube que já teve goleadores como Alcino, Roberto, Dadinho, Mesquita, Bira e companhia. E que nesta década apostou em Finazzi, Flávio Caça Rato, Ciro, Nano Krigger, Marcão, Mendes, Neto Baiano, Zé Carlos...

Não por acaso, o maior artilheiro azulino nesta década é o sempre questionado meia Eduardo Ramos, que chegou ao clube em 2014 para saídas e retornos e tinha 36 gols até o jogo contra o Imperatriz. Ontem, ele completou 138 jogos pelo Leão Azul.

BAIXINHAS

* Artilheiro é sempre a peça mais rara no mercado, mais difícil ainda para os clubes menos atraentes ou de fama negativa. Foi bem o caso do Remo nos últimos dez anos.

* O Leão já vem melhorando a fama no mercado. Precisa melhorar como vitrine, com o sonhado acesso à Série B. Só assim voltará a despertar o interesse de bons jogadores, inclusive goleadores.

* O Paysandu, acima de tudo, tem sido feliz com homens-gol. Nicolas é o homem da vez, agora com dois anos de contrato pela frente. Sabe fazer gols e é um guerreiro em campo.

* Há exatos 45 anos, em 25 de outubro de 1975, Rosemiro, atleta do Remo, sagrava-se campeão pan-americano com a seleção brasileira no México. Rosemiro era titular da seleção, que tinha Carlos, Edinho, Batista, Cláudio Adão e companhia. No mesmo dia, o Remo teve vitória histórica sobre o Flamengo no Maracanã: 2 x 1.

* Estamos a 41 dias do próximo Re-Pa, marcado para 5 do dezembro, no fechamento da fase classificatória deste campeonato brasileiro. Pode ser decisão de classificação e de permanência na Série C. 

* Depois, Leão e Papão deverão voltar a se enfrentar na Copa Verde, prevista para começar em janeiro, mas válida pela temporada 2020, conforme recente anúncio informal da CBF.

Carlos Ferreira
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CARLOS FERREIRA