Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

CARLOS FERREIRA

Jornalista, radialista e sociólogo. Começou a carreira em Castanhal (PA), em 1981, e fluiu para Belém no rádio, impresso e televisão, sempre na área esportiva. É autor do livro "Pisando na Bola", obra de irreverências casuais do jornalismo. Ganhador do prêmio Bola de Ouro (2004) pelo destaque no jornalismo esportivo brasileiro. | ferreiraliberal@yahoo.com.br

Leão vivo, mas cambaleante

Carlos Ferreira

Ainda dá? Sim! A classificação do Remo é possível, mas nada provável. Mesmo vencendo o Botafogo/SP em Ribeirão Preto, ainda vai depender de outros resultados. Situação crítica que o próprio Remo construiu ao afrouxar as rédeas e se deixar estragar por farras de "atletas" beberrões. O desabamento físico de alguns provou desestruturação do time, a força de grupo e perda de rumo.

Atitudes de emergência, na gestão, como dispensas e contratações, renovaram as forças do time, mas com flagrantes defeitos táticos. Melhorou o serviço defensivo, mas enfraqueceu o ofensivo. O Leão chega vivo, valente, mas cambaleante à rodada que vai definir os últimos classificados, no sábado. Resta a fé como principal fator de esperança.

Papão firme e com autoridade

Classificado, disputando a liderança geral e com o principal artilheiro do campeonato (Marlon, 10 gols) o Paysandu ainda vai ter o Mangueirão no quadrangular do acesso para maior energia da torcida e melhores resultados de bilheteria. Tudo nos "trinks"!

Basta o Papão reafirmar a força diante do Floresta, sábado, para chegar firme e com autoridade à disputa do acesso. O time está bem ajustado por Márcio Fernandes, mas vai entrar numa disputa acirradíssima, num nível mais alto de competição, e vai precisar ser mais competitivo do que nunca. Serão os seis jogos mais preciosos do ano, de 20 de agosto a 25 de setembro. Os dois primeiros de cada quadrangular vão subir à Série B. Os "campeões" dos quadrangulares farão a decisão do título da Série C, dias 1° e 8 de outubro.

BAIXINHAS

* Fábio Bentes vai ao último ano do mandato, em 2023. Vai entregar o clube enriquecido pelo Centro de Treinamentos, organizado na sua dinâmica de gestão, sem (ou quase sem) dívida trabalhista... No futebol, tem as pequenas chances agora e novas chances na próxima temporada de entregar o clube na Série B.

* Para atingir o objetivo, ou melhor, a obstinação, sua diretoria tem que aprender com os erros de gestão de pessoas cometidos em 2021 no rebaixamento e repetidos em 2022 na queda de rendimento do time. Nos dois casos, condutas inapropriadas no elenco tiveram preço muito alto para o clube.

* O Paysandu já terá eleições em novembro. Faltam três meses! Aparentemente, o presidente Maurício Ettinger será imbatível na reeleição se o Papão subir à Série B. Caso contrário, muita força para a candidatura do ex-basquetebolista Sérgio Solano

* Dos estreantes do Remo contra a Aparecidense, Thiaguinho e Pablo Roberto foram discretos, Wendel Lomar saiu-se bem e o meia foi quem causou as melhores impressões. Tem muitos recursos e personalidade.

* Súmulas registram fatos que podem resultar em denúncias e punições de Remo e Paysandu no STJD. O Leão por tumulto, fogos e sinalizadores no Baenão. O Papão por entrada indevida de bicolores de uma torcida organizada na área de jogo, em Teresina.

* Mirassol ou Paysandu, quem fecha a fase classificatória com o l° lugar geral? Na pontuação, 33 x 33, mas o clube paulista tem uma vitória a mais. Por isso, o Papão só será "campeão" da fase se vencer o Floresta, em Belém, e o Mirassol não vencer o combalido Manaus, em Manaus. 

* O mais importante para o Paysandu é que está garantido no top 4 da classificação final, independente do que acontecer sábado. Isso significa que vai fechar o quadrangular do acesso jogando em Belém, no Mangueirão. 

Carlos Ferreira
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CARLOS FERREIRA