Carlos Ferreira

Jornalista, radialista e sociólogo. Começou a carreira em Castanhal (PA), em 1981, e fluiu para Belém no rádio, impresso e televisão, sempre na área esportiva. É autor do livro "Pisando na Bola", obra de irreverências casuais do jornalismo. Ganhador do prêmio Bola de Ouro (2004) pelo destaque no jornalismo esportivo brasileiro.

Hélio dos Anjos quase igualou marca de Givanildo Oliveira no Paysandu

Carlos Ferreira

A derrota para o Cuiabá (1 x 0, nos últimos segundos) na decisão da Copa Verde impediu Hélio dos Anjos de empatar com Givanildo Oliveira em matéria de invencibilidade. Em 2001/2002, Giva chegou a 26 jogos sem perder. Maior série do Papão neste século. Hélio dos Anjos teve a invencibilidade quebrada com 25 jogos, tal como Dado Cavalcanti, que também ficou 25 jogos sem perder, em 2015.

O Paysandu teve outras três séries neste século: 21 jogos com Mazola Júnior em 2014, 16 com Marcelo Chamusca em 2017 e 14 jogos com Lecheva em 2013. Contudo, dessas seis invencibilidades, só as de Givanildo e de Lecheva foram coroadas com grito de campeão.

 

Quem repete o sucesso de Keven no Leão?

Aos 18 anos, na sua segunda temporada no elenco profissional, Keven aproveitou a primeira chance e emplacou como titular do Remo. Foi vendido a investidores, por R$ 600 mil, e o Leao ainda ficou com 30% dos direitos econômicos. Para 2020, os candidatos a repetir o sucesso de Keven são o goleiro Vitor, o zagueiro Anderson Pipoca, o lateral esquerdo Felipe, os volantes Pingo, Joilson e Warlei, os meias Lailson e Thiago Albuquerque, os atacantes Hélio Borges e Wállace. Será o caso também do lateral direito Roni, se não for desvinculado na Justiça do Trabalho.

Os mais cotados são Roni, Pingo, Lailson, Hélio Borges e Wállace, que já têm algum lastro de futebol profissional, tal como tinha o zagueiro Keven. Isso é fundamental!

 

BAIXINHAS

* Faltam 13 dias para a decisão da Juíza Léa Helena (TRT) no processo em que Roni pede desligamento do Remo. O atleta fez o pleito alegando salários atrasados de 2017 e de 2018, mas o clube já provou que fez os pagamentos antes de ser notificado, embora depois do ajuizamento da ação.

* Jogadores dos quais Remo e Paysandu têm percentual dos direitos econômicos: azulinos - lateral Gustavo (está no Cruzeiro), atacante Gabriel Lima (Avaí), zagueiro Keven (Paços de Ferreira), bicolores - meia Vitinho (Bahia), atacante Leandro Carvalho (Ceará) e o meia Rodrigo Andrade (Vitória).

* No Corinthians desde 2015, o volante Warian Santos (Ameixa), fruto do Remo, fez 15 jogos e dois gols pelo time corintiano sub 23. Em 2018 ele teve passagem discreta pelo Atlético Goianiense e este ano uma passagem apagada pelo CRB. Com apenas 22 anos, ainda tem tempo para construir uma história.

* Provável primeira rodada do Parazão 2020, dias 18, 19 e 20 de janeiro: Remo x Carajás, Paysandu x Castanhal, Independente x Itupiranga, Bragantino x Tapajós, Paragominas x Águia. Confirmação deve sair amanhã no Conselho Técnico, dentro do novo formato do campeonato, que deverá ter todos contra todos na primeira fase.

* Se for mesmo para o Guarani de Campinas, o executivo Felipe Albuquerque sairá do Paysandu como chegou. Na primeira entrevista em Belém ele destacou o "quase" na disputa de acesso do Vila Nova à Série B. Repetiu o "quase" no Paysandu e acrescentou outro "quase" na Copa Verde.

Carlos Ferreira
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM COLUNAS E BLOGS