Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

CARLOS FERREIRA

ferreiraliberal@yahoo.com.br

Jornalista, radialista e sociólogo. Começou a carreira em Castanhal (PA), em 1981, e fluiu para Belém no rádio, impresso e televisão, sempre na área esportiva. É autor do livro "Pisando na Bola", obra de irreverências casuais do jornalismo. Ganhador do prêmio Bola de Ouro (2004) pelo destaque no jornalismo esportivo brasileiro.

Em duas semanas, Papão ressurge em nova versão

Carlos Ferreira

Ao longo de nove meses o Paysandu foi um time em construção e não chegou ao acabamento da obra. Depois de 19 vitórias, 13 empates, 11 derrotas e uma única glória (o título estadual), o elenco bicolor está em nova versão, com o que restou do desmanche pós Série C e a integração de atletas da base. Em duas semanas, no dia 1º de dezembro, o Papão vai ressurgir em campo, contra Remo ou Manaus, na semifinal da Copa Verde.

A partir de hoje, na retomada dos treinos, Wilton Bezerra tem a missão de reconstruir o time e torná-lo competitivo, apesar das limitações. Afinal, o clube é candidato a um título que moralmente poderia salvar esse fechamento de temporada e financeiramente poderia ajudar muito nas contas. O Papão vai enfrentar Remo ou Manaus com a esperança de decidir a Copa Verde com Vila Nova/GO ou Nova Mutum/MT.

Terceira pior artilharia reflete fiasco do Remo

Apenas 29 gols em 36 jogos. A média de artilharia do Remo na Série B é de 0,8 gol por jogo e só supera o Londrina (27 gols) e o rebaixado Brasil de Pelotas (23 gols). Em matéria de gols tomados, o Leão está entre os intermediários: 40 gols. Nos últimos quatro jogos o time azulino fez apenas um gol (de pênalti) e tomou seis, em quatro derrotas. Nas 36 rodadas, 17 derrotas, 8 delas em Belém.

A terceira pior artilharia reflete bem a situação do Remo na Série B. O time tornou-se previsível nas ações ofensivas e vem sendo facilmente contido pelos adversários. Para ter possibilidade de salvação nas duas últimas rodadas, contra Vasco e Confiança, terá que melhorar o repertório. Afinal, precisa de duas vitórias para salvar-se sem depender de terceiros, uma vitória e um empate para ter chances significativas, ou só uma vitória para ter chance, mas com risco real de cair.

BAIXINHAS

* Presidentes Fábio Bentes, do Remo, e Paulo Toscano, do Paragominas, confirmaram à coluna que os dois clubes têm convite oficial para quadrangular na Espanha com Cubillas e Granada, Cubillas. A primeira proposta foi para julho, mas o Remo já mostrou inviabilidade no período.

* O torneio internacional, em Granada, no sul da Espanha, deve ficar para dezembro de 2022 ou janeiro de 2023. Desse intercâmbio podem surgir investimentos espanhóis nas categorias de base dos dois clubes paraenses.

* Incrível como a reabertura dos estádios para o público, em Belém, nesta pandemia, virou retomada de antigos comportamentos selvagens. Na Curuzu, fúria e invasão de campo. No Baenão, fúria e pancadaria na rua, na Antônio Baena. Além disso, gritos homofóbicos contra Nicolas, do Goiás, e provável punição ao Remo por essa conduta.

* Bicolores tiveram seis dias de folga, após a vitória sobre o Castanhal. O recomeço dos treinos, hoje, tem uma questão central para a torcida e para a imprensa: que time o Papão colocará em campo no dia 1° de dezembro contra Remo ou Manaus?

* Vasco vira uma mescla de remanescentes do time que fracassou na Série B com revelações da base. O volante Andrey está suspenso por cartões amarelos. Fábio Cortez, que era auxiliar de Fernando Diniz, comanda o time e exige honradez dos atletas, visto que o Vasco não almeja mais nada. Jogo Vasco x Remo, sexta-feira, às 19 horas.

* Coluna de hoje dedicada à memória de Roberto Macedo, que deixou o futebol paraense de luto. Foi um importante dirigente do Remo nas décadas 70/80, um descobridor de talentos, principalmente no Amapá. 

Carlos Ferreira
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CARLOS FERREIRA