Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

CARLOS FERREIRA

Jornalista, radialista e sociólogo. Começou a carreira em Castanhal (PA), em 1981, e fluiu para Belém no rádio, impresso e televisão, sempre na área esportiva. É autor do livro "Pisando na Bola", obra de irreverências casuais do jornalismo. Ganhador do prêmio Bola de Ouro (2004) pelo destaque no jornalismo esportivo brasileiro. | ferreiraliberal@yahoo.com.br

Com 30 pontos, classificação deve ser garantida

Carlos Ferreira

Cumpridas oito rodadas da Série C, o 8° colocado (Manaus) tem 12 pontos, que correspondem a 50% de aproveitamento. Esse índice, ao final da fase, equivaleria a 29 pontos. Com essa pontuação a passagem à segunda fase já seria provável. Por segurança, a nossa projeção coloca um a mais, 30 pontos, para a classificação. O Paysandu (15 pontos) já tem, em oito rodadas, metade do que precisa. O Remo (13 pontos) tem quase a metade.

Para evitar o rebaixamento devem ser suficientes 21 pontos (37,5%), que seriam equivalentes ao aproveitamento do atual do 16°, o Campinense (9 pontos). Isso quer dizer o Papão só precisa de seis e o Leão Azul de oito pontos para cumprirem a obrigação elementar de evitar rebaixamento à Série D.

Poderosos em casa

O Paysandu está invicto na Curuzu em 2022, com 9 vitórias e um empate. Só não ganhou o primeiro Re-Pa (1 x 1). O Remo tem oito vitórias, dois empates e uma derrota no Baenão. Empatou com Águia e São José, e perdeu para a Tuna (1 x 0).

Mesmo com um drama aqui, outro ali, os dois rivais têm sido imponentes como mandantes. Nesta Série C o Paysandu ainda vai receber cinco visitantes na Curuzu: Botafogo/PB, Brasil de Pelotas, Confiança, Figueirense e Floresta, além de outros seus jogos fora de casa. Ao Remo restam seis jogos no Baenão, contra Campinense, Altos, Paysandu, ABC, Ferroviário e Aparecidense, além de outros cinco jogos fora do Pará.

BAIXINHAS

* O estilo agressivo e veloz de Ronald era uma arma importante de Paulo Bonamigo para furar bloqueios. A ausência dele é uma grande perda para o restante da temporada. A lesão de ligamentos do joelho implica em cirurgia. Ronald só precisava corrigir a deficiência na marcação para ter chance de ser titular. É novo, 19 anos, e ainda vai conseguir.

* Papão deverá ter força máxima em Fortaleza, domingo, contra o Ferroviário, 7° colocado. O time bicolor tem 15 pontos, quatro vitórias e saldo de 9 gols. Não sai do G8 nem com derrota na próxima rodada.

* Projeção de classificação na Série D. Nesta fase, são 14 rodadas. Com base nas estatísticas da primeira virada (jogos de ida), é seguro dizer que a classificação é possível com 20 e muito provável com 21 pontos. O Castanhal tem 9 e a Tuna tem 2.

* O Paysandu trouxe de volta aos noticiários a figura do bloqueio de renda. Dessa vez foi em benefício de um ex-funcionário (R$ 35 mil), mas se o clube não resolver algumas pendências que estão se prolongando, fatalmente haverá outros bloqueios.

* Remo quebrou a sequência de dez jogos que não saía de campo sem tomar gols, mas teve erros primários que resultaram em boas chances para o Floresta. Bonamigo segue focado na missão de fortalecer o sistema de marcação, agora visando o Campinense.

* Oposição (Ricardo Gluck Paul) mobilizando Ligas Municipais para provocar Assembleia Geral para deliberação sobre eleição da FPF. Requerimento foi apresentado à Federação, à CBF e ao Ministério Público do Estado. MP já processou a FPF e a presidente Graciete Maués pela absurda demora no processo eleitoral.

Carlos Ferreira
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CARLOS FERREIRA