Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Bernardino Santos

Jornalista e colunista de O Liberal com 50 anos de profissão. Começou a carreira como repórter em O Liberal e também trabalhou em rádio e televisão.

Posses de prefeitos paraenses não devem ter aglomeração

Bernardino Santos

LÁGRIMAS

São tantas lágrimas derramadas por amigos perdidos que me sinto naufragado num mar salgado de dor e saudade. Sábado último mais dois amigos irmãos me deixaram, o Carlos Alberto Maneschy, pela manhã, e o Orlando Carneiro, no final da tarde. Partiram sem dizer adeus, sem abraços e apertos de mãos. Estou atônito. Sou todo lágrima e saudade. Foram mais de 60 anos de amizade que tivemos, com início no Colégio Moderno. Formávamos um grupo fechado de oito amigos irmãos, dos quais 4 já partiram na nossa frente. Companheiros de estudos, das “tertúlias” dos clubinhos; das festas de 15 anos, quando um colega convidado levava os outros; do Top Set do Automóvel Clube; do Cinema Olympia; dos carnavais no Bancrévea e Pará Clube; companheiros de esportes, diversões; nos exames vestibulares para a universidade. Não faltaram as noites da boemia clássica de Belém, na Maloca, na boate Blue Moon, no Pagode, na Moza e no inesquecível Palácio dos Bares, na Condor. Essa era a boemia clássica de Belém, que infelizmente está se acabando.

Na vida profissional, Maneschy saiu da Escola de Engenharia da UFPA, com muito talento, para o exercício da engenharia civil e serviu a administração publica, com muita competência e honestidade. Carneiro recebeu o grau da Faculdade de Direito do Largo da Trindade, mas fez opção pela área da comunicação. Dono de uma bonita voz gutural ele fez uma carreira de sucesso como radialista e apresentador de TV. Foi também, cronista, publicitário e relações públicas, se destacando em todas. Se revelou como escritor, e sem alarde como era do seu íntimo, lançou sete livros, deixando o 8º pronto e acabado que pretendia lançar com noite de autógrafos em março de 2021.

Carlos Alberto Maneschy deixa viúva, a também colega do colégio, Denise de Souza Franco Maneschy. A Nádia Moraes Rego Carneiro fica viúva do Orlando Carneiro. Através delas, abraço as famílias enlutadas com o maior sentimento de solidariedade, rogando por paz e luz às almas desses dois irmãos que partiram juntos.

POSSE 

Prefeitos e prefeitas paraenses, que tomarão posse no primeiro dia do ano, a maioria à tarde, anunciam que não querem aglomeração e alguns até querem a posse separada dos vereadores eleitos.

EM ISRAEL

O paraense Jacob Serruya, há anos radicado em Israel, foi o primeiro brasileiro a tomar a vacina contra a covid-19. Ele recebeu o imunizante ontem numa clínica na cidade de Nahariya. 

VERÃO

O Sul e Sudeste estão entrando no período de verão, embora ainda existam por lá, chuvas e frente frias. Nós, aqui, continuamos com o inverno amazônico com muita chuva, temporal e raios. 

O vice-almirante Valter Citavicius, comandante do 4º Distrito Naval, condecorou o vereador Celsinho Sabino com a Medalha do Mérito Militar, durante as comemorações do Dia do Marinheiro.

VITRINE

- Amanhã, o prefeito Zenaldo inaugura a estátua do imortal poeta Ruy Barata, na Praça da República, às 19 horas, junto com a família Barata. Uma homenagem à arte e à cultura paraense.

- A estátua, com a mesma altura do poeta, 1,70 m, foi criada e esculpida pelo arquiteto paraense Fernando Pessoa. Ficará numa área da praça, entre o tradicional Bar do Parque e o Theatro da Paz.

- A professora Emília Farinha, viúva do saudoso escritor João Carlos Pereira, está reunindo as crônicas deixadas por ele, para condensá-las num livro.

- Bom dia para o amigo Raphael Levy, leitor da coluna, logo vedo, no café da manhã.

- Os dois principais hotéis de Mosqueiro estão com reservas esgotadas para as festas do final do ano

- Um abraço para Maria Alice Tavares Leal que troca de idade hoje. Os festejos serão em casa, com o marido Antônio Leal.

- Nova criação da chef Nathalie Furtado: filhote na brasa com escamas de banana e feijãozinho de Santarém.

- O advogado Mário Oliveira e a empresária Mayara Hamad seguem recebendo felicitações pela chegada do primogênito.

- O assunto da semana é a vitória do Remo em cima do rival Paysandu. Agora os dois voltamm a campo no próximo sábado quando o Papão enfrenta o Londrina e, no domingo, 27, o Leão enfrenta o Ypiranga (RS).

- Cantinho da poesia: “O vento vai parar de soprar e em minhas noites escuras, nunca mais vai ter luar. O sol pra mim jamais nascerá. As minhas lembranças ficarão num auto-retrato.” (Ayrton Rocha).

- Fuja da covid-19. Evite aglomeração.

Bernardino Santos
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BERNARDINO SANTOS