Bernardino Santos

Jornalista e colunista de O Liberal com 50 anos de profissão. Começou a carreira como repórter em O Liberal e também trabalhou em rádio e televisão.

Adeus D. Mimi, Bródio e premiação

Bernardino Santos

D. MIMI

Neste momento de grande dor, peço licença aos leitores para abrir a coluna com um texto que recebi do confrade e querido amigo-irmão João Carlos Pereira, a respeito de minha mãe, que ontem retornou para a pátria espiritual.

As quatro letrinhas que formavam a palavra Mimi – doce redução de seu nome de batismo, Graciolina – eram suficientes para abarcar todo amor deste mundo. Dona Mimi, como todos a chamavam, deixou este mundo envolvida pela paz, pelo carinho e pela luz.

Sua chegada ao céu deve ter sido festiva, porque dele estava afastada havia 102 anos e 7 meses. Os seres iluminados que habitam as esferas superiores, os anjos e santos de Deus, seguramente se reuniram para recebê-la de volta à Casa do Pai, de onde nos vê e nos abençoa, como disse o cardeal Ratzinger, na missa de despedida de João Paulo II..

Dona Mimi fará muita falta neste mundo, onde era um farol de bondade. Sua ausência física será muito sentida, mas haveremos de compensá-la com as lições de amor que nos ensinou cotidianamente, como se fosse, ela própria, um evangelho de pura bondade.

BRÓDIO

A Academia Paraense de Letras realiza hoje, às 12 horas, o Bródio Acadêmico. Trata-se do almoço de confraternização dos “imortais”, sob o comando do presidente Alcyr Meira. Além dos acadêmicos, são esperado amigos da APL. É na base de cada um paga o seu.

LITURGIA

Para celebrar os 50 anos do Concílio Vaticano II, a Paulo de Belém vai promover, na manhã do próximo sábado, um curso sobre liturgia e enculturação. O ministrante será o monsenhor Raimundo Antônio da Silva, mestre em Sagrada Liturgia pelo Pontifício Ateneu Litúrgico Santo Anselmo, de Roma.

RIOS E REDES

Será hoje, no Centro Cultural do Tribunal Regional Eleitoral do Pará (ao lado do corpo de Bombeiros), a abertura da mostra “Rios e Redes – uma poética sobre o tempo”, com trabalhos de Roberta Mártires, Francisco Coelho e Paulo Emílio Campos de Melo, com curadoria de João Cirilo Neto. MÚSICA O Quinteto Caxangá realiza, na próxima quinta-feira, 19 de dezembro, às 20h, no Teatro do Sesi, o lançamento do seu primeiro EP, contemplado Edital Produção e Difusão 2019, da Fundação Cultural do Pará.

SOLIDARIEDADE

O Tribunal de Justiça do Pará entregou a três instituições 876 quilos de alimentos doados pelos participantes da IV Corrida do TJPA. Foram contemplados a creche Lar Cordeirinho de Deus, a Cooperativa de Catadores de Resíduos Sólidos da Amazônia e o projeto voluntário “Futuro Brilhante”.

PREMIAÇÃO

A Universidade Normal de Shandong, da China,e o Instituto Confúcio, da Universidade do Estado do Pará, receberam o prêmio de excelência pelo trabalho desenvolvido entre os Institutos Confúcio mundiais, durante a Conferência Internacional de Educação de Língua Chinesa 2019, realizada naquele país.

Paula Andrea e João Augusto Rodrigues na “estação de metrô” parisiense, da Aliança Francesa de Belém, em noite de arte & cultura 

VITRINE

- O desembargador Milton Nobre, decano do nosso Tribunal de Justiça, recebe hoje a medalha do Mérito Tamandaré, outorgada pelo Ministério da Marinha.

- O amigo Jorge Carvalho Pinheiro está desolado. Um ladrão entrou em sua casa e levou uma Nossa Senhora da Conceição do século XIX. Colecionadores, atenção!

- O jornalista Christian Emmanoel fez um bate-evolta a São Paulo, onde participou da entrevista coletiva, seguida de almoço, de uma empresa aérea.

- Dona Rosa Alice Gomes, mãe da jornalista Andreza Gomes, completou 73 nos e celebrou a data em família.

- Quem troca de idade é a notável Vera Amazonas, esposa de Edil Amazonas, com quem forma um dos casais mais queridos da cidade.

- O cônego Raul Tavares de Souza completou 92 anos de vida, e continua servindo a Igreja de Cristo com amor e alegria.

- Olha que ironia! A “pirralha” virou a pessoa do ano, da Time. Bom dia para o amigo José Maria Toscano, leitor desta coluna, bem cedo, na hora do café da manhã.

- Será hoje, no Hangar, o Baile do Marinheiro, com a participação de Oficiais da Marinha e música da Banda Orlando Pereira.

- Instituto Silvio Meira criou o “Prêmio Myrthes Gomes de Campos”, que será outorgado às juristas e advogadas paraenses, a partir de 2020. 

- Saúde e paz a todos e que a sexta-feira possa sorrir a todos, ainda que haja solidão, ainda que chova.

 

Bernardino Santos
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM COLUNAS E BLOGS