Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Novo golpe: sites falsos de passagens são usados para roubo de milhas; saiba como não cair

Golpistas ao redor do Brasil se aproveitam das viagens em família para utilizar sites falsos com passagens aéreas em promoção como isca; saiba como não cair no golpe

Paula Figueiredo

Nos mês das férias, muitos golpistas ao redor do Brasil se aproveitam das viagens em família para utilizar sites falsos com passagens aéreas em promoção como isca para atrair internautas e roubar milhas de programas de fidelidade. O objetivo dos cibercriminosos é se apropriar das atribuições acumuladas e vendê-las no mercado. Pensando nisso, OLiberal.com explicou o que é o novo golpe e como não cair, confira!

VEJA MAIS

Humorista Heitor Martins, o ‘Pitbitoca’, é sequestrado e assaltado após marcar encontro no Tinder
Artista informou que teve os cartões de crédito levados, além do carro queimado e a casa furtada

Passageiros de ônibus em Belém se revoltam com pedinte que tentou enganar mulher; vídeo
O homem teria amedrontado uma mulher para ficar com o dinheiro dela após deixá-la passar em carteira de passe-fácil especial

Homem é preso após usar o Tinder para aplicar golpe e causa prejuízo de R$ 70 mil
O golpista teria roubado dinheiro, jóias, computadores, celulares e bolsas de grife da vítima

Como é aplicado o golpe?

Segundo pesquisadores da empresa de cibersegurança Kaspersky, no Brasil, os golpistas usam o disparo de mensagens fraudulentas, conhecidas como phishing, como forma de atrair internautas a páginas falsas, que simulam sites de companhias aéreas e serviços de reserva. Lá, eles conseguem roubar as credenciais das vítimas e acessar os pontos ou milhas acumuladas

Algumas páginas falsas exibem detalhes de voos reais para passar mais autenticidade às informações. Na sua maioria, a vítima precisa informar CPF e senha para acessar o site falso de uma determinada empresa. É nesse procedimento que as credenciais são roubadas e vendidas. 

Golpe também rouba contas

Ao acessarem as contas, os cibercriminosos transferem os pontos ou milhas e fazem a monetização para conseguir vendê-las. Ainda na plataforma, eles trocam o e-mail e número do sistema original, o que dificulta a recuperação da conta por parte da vítima. 

"O cibercrime está cada vez mais complexo e os criminosos aproveitam as sazonalidades para que suas táticas sejam mais verídicas aos usuários de diversos tipos de serviços. No entanto, os ataques podem ser evitáveis se o usuário se manter atento, desde o acesso no site de compra das passagens até o pagamento mensal do serviço. É importante conferir o que está sendo acessado e onde você está colocando suas informações pessoais, pois, com as atualizações de fraudes, todo cuidado é pouco", comentou Fábio Assolini, diretor de pesquisa e análise da Kaspersky para a América Latina.

Entenda o que são e como acumular milhas para ter descontos em passagens
Como uma "moeda de troca", as milhas podem ser conseguidas por meio de viagens, nos programas de fidelidade, ou pelo acúmulo de pontos no cartão de crédito

Como não cair no golpe?

  1. É importante sempre estar atento à barra de endereço de acesso ao site antes de inserir qualquer informação pessoal. Se algo estiver errado na URL, como símbolos especiais no lugar de letras e grafia incorreta, desconfie
  2. Em caso de dúvida, basta verificar o certificado do site clicando no ícone de bloqueio, localizado à esquerda. 
  3. Não clique em links que venham de fontes desconhecidas, sejam e-mails ou aplicativos. E sempre desconfie de promoções "boas demais".
  4. Se souber de algum sorteio, visite o site oficial da empresa para verificar se de fato existe.
  5. Ao se cadastrar nos programas de milhas, crie uma senha única e exclusiva para esse site, não a reutilizando em nenhum outro lugar.

(Estagiária Paula Figueiredo, sob supervisão)

Palavras-chave

Brasil
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL