Kat Torres: pai de Letícia Alvarenga compartilha perfil da filha em site de prostituição

Familiares suspeitam que Letícia Alvarenga e Desirrê Freitas sejam vítimas de tráfico humano; em postagem recente, perfil de Letícia no Instagram acusou a modelo Yasmin Brunet e o apresentador Luiz Bacci de envolvimento

Gabriel Mansur

O pai de Letícia Alvarenga, 21 anos, uma das jovens desaparecidas nos Estados Unidos, compartilhou em suas redes sociais, imagens da filha em um site de uma rede de prostituição. A jovem está desaparecida desde abril deste ano, quando viajou para o país norte-americano para trabalhar com a influenciadora paraense Kat Torres

VEJA MAIS

image Kat Torres: brasileiras vão aos EUA trabalhar com influencer paraense e famílias falam de tráfico
Para amigos e familiares, Letícia Maia Alvarenga e Desirrê Freitas podem ter sido vítimas de seita, rede de prostituição ou tráfico humano

image Kat Torres: Itamaraty se pronuncia sobre 'sumiço' de brasileiras
As duas jovens estão sem comunicação direta com amigos e familiares. Algumas pessoas ligadas às jovens acreditam que elas possam ter sido vítimas de seita, rede de prostituição ou até mesmo tráfico humano

image Vulneráveis, refugiados ucranianos correm risco de cair em redes de tráfico humano, alerta polícia
Milhões de pessoas já deixaram a Ucrânia para fugir da guerra contra a Rússia

Cleider Castro Alvarenga, pai de Letícia, compartilhou as capturas de tela no último domingo, 16 de outubro. Na publicação, ele pede ajuda na busca pela filha, e afirma que a última notícia que tem é a informação de que Letícia estaria trabalhando com Kat. Ele também afirmou que não tem contato com a jovem desde o mês de abril.

Segundo o homem, a jovem estava na cidade de Leander, no Texas (EUA). “Por favor, estamos desesperados. Se alguém tiver alguma notícia, nos avise. Peço também que compartilhem com outros grupos e pessoas que possam nos ajudar”, escreveu Cleider.

Além de Letícia, outra jovem que está em situação parecida é Desirrê Freitas, 26 anos. Ambas as jovens têm um perfil no site adulto, que foi desativado após a exposição do site, feita pelo pai de Letícia. Confira: 

image Perfil de Letícia Alvarenga no site de prostituiçaõ (Reprodução)

 

image Perfil de Desirrê Freitas no site de prostituição (Reprodução)

 

Entenda o caso de Letícia Alvarenga e Desirrê Freitas

Letícia Alvarenga e Desirrê Freitas deixaram de ter contato com pessoas próximas após se mudarem para os Estados Unidos, para trabalhar com a influenciadora digital Kat Torres. Amigos e familiares suspeitam que as duas jovens estejam envolvidas com uma seita ou sejam vítimas de tráfico humano.

Na última sexta-feira, diante da repercussão, Kat Torres se pronunciou, afirmando que as jovens estavam bem e que não teriam interesse em falar com suas famílias. Para confirmar as informações, Letícia e Desirrê compartilharam vídeos. 

“Eu quero expor que quando eu era criança eu já fui abusada pelo meu pai. Ele abusava de mim, abusava sexualmente, e eu falava para minha mãe. Ela chegava em casa e eu falava o que aconteceu, e ela agia como se nada tivesse acontecido e deixava para lá”, disse Letícia em um dos vídeos

Entretanto, os vídeos geraram mais desconfiança, pois as jovens afirmavam estar na Alemanha, mesmo sem nenhum registro de saída dos Estados Unidos. Com o aumento da busca pelos internautas e a grande repercussão do caso, os perfis nas redes sociais de Letícia, Desirrê e Kat foram desativados, além dos perfis das duas jovens no site da rede de prostituição. 

Letícia afirmou que Luiz Bacci e Yasmin Brunet fazem parte do esquema

Com a pressão na busca pelas jovens, o perfil de Letícia no Instagram publicou imagens onde afirmava que o apresentador Luiz Bacci e a modelo Yasmin Brunet estariam envolvidos no esquema. “A Desirrê está sob poder de um esquema de corrupção que a Yasmin comanda”, escreveu. 

Entretanto, internautas suspeitam que as redes sociais das jovens estejam sob posse de outra pessoa. “Amanhã eu vou fazer uma live aqui, postando todas as provas do esquema de Yasmin e do tráfico de meninas que ela prostitui para ganhar milhões de dólares nos EUA. Eu vou arriscar minha vida para contar tudo pra vocês. Mas eu preciso salvar a Desirrê. A Yasmin, o Luiz, o meu pai. Estão todos envolvidos. Vocês não tem noção do que está acontecendo com as meninas aqui”, publicou o perfil nos seus stories. 

(Estagiário Gabriel Mansur, sob supervisão do editor executivo de OLiberal.com, Carlos Fellip)

Brasil
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL