Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Idosa é morta a marretadas; suspeito passa mal, tem convulsão e é preso

Suspeito foi identificado como José Alexandre Cavalcante, de 36 anos. As causas do crime ainda são investigadas.

O Liberal

Dulcinea Polli de Almeida, de 66 anos, foi assassinada a golpes de marreta dentro da própria casa, na área rural de Pedro Toledo, no interior de São Paulo. O suspeito de ter cometido o assassinato é um homem de 36 anos, que sofreu uma convulsão e desmaiou no local. Ele foi preso em flagrante pela polícia. O crime aconteceu na madrugada deste domingo (13). As informações são do Metrópoles.

VEJA MAIS

Corpo de modelo é encontrado em tumba de cavalo 10 anos após desaparecimento
Kara Nichols sumiu quando tinha apenas 19 anos. Ela foi vista com vida pela última vez em 9 de outubro de 2012.

Homem que esquartejou e assou esposa em churrasqueira é preso
Mauro Sampietri, de 59 anos, foi capturado enquanto buscava a atual companheira no trabalho

Segundo informações repassadas pela Secretaria de Segurança Pública, a vítima foi encontrada morta pelo irmão, que foi acionado por um vizinho. O suspeito foi identificado como José Alexandre Cavalcante. A mulher o conhecia, mas os dois não tinham proximidade.

Na residência, o irmão da idosa encontrou as portas da casa abertas e Dulcinea já sem vida. A marreta que possivelmente foi usada no crime foi encontrada próximo ao corpo de Dulcinea. As causas do crime devem ser levantadas pela Polícia Civil local.

Adolescente é decapitada pelo marido e cunhado dele após suspeita de adultério
Homem circulou pela rua com a cabeça da jovem de 17 anos, morta pelo suspeito e pelo cunhado dele

José Alexandre foi achado desacordado e levado para um hospital. Depois de socorrido, ele foi levado para a Delegacia de Peruíbe, onde o caso foi registrado e será investigado.

Brasil
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL