Flordelis esconde dinheiro nas partes íntimas após visita na prisão, diz policial penal

Agente também afirma que ela estaria com números de advogados escritos na parte interna da calça

Emilly Melo
fonte

A ex-deputada federal Flordelis dos Santos de Souza teria sido flagrada escondendo dinheiro nas partes íntimas, após retornar de uma visita, na penitenciária Talavera Bruce, no Complexo de Gericinó. Segundo o relato de uma policial penal, também teriam sido encontrados números de telefones de advogados escritos na parte interna da calça. Com informações de O São Gonçalo. 

VEJA MAIS

image Flordelis usava celular na prisão para falar com namorado, mas escapa da punição; entenda
O aparelho foi encontrado no dia 11 de maio. Apesar do uso do telefone ser considerado falta disciplinar grave, ela não foi para isolamento por recomendação médica

image Acusada de matar o marido, Flordelis tem julgamento adiado
Inicialmente, a audiência estava marcada para o dia 9 de maio, depois passou para o dia 6 de junho e agora será em dezembro

image Júri absolve filho de Flordelis pela morte do pastor Anderson, mas condena por outro crime; veja
O julgamento da ex-deputada federal será no dia 9 de maio

Em um inquérito da 34ª DP (Bangu), a agente contou que uma câmera no scanner corporal detectou algo na calça de Flordelis. A ex-deputada foi levada para outro setor e, após uma conversa, teria retirado, espontaneamente, R$ 72 em espécie das partes íntimas. 

Ainda de acordo com a policial, foi realizada uma revista pessoal na presa. Foram encontradas anotações com telefone de advogados — antes dos nomes estavam os termos “dr” — na parte de dentro da calça. A Secretaria de Administração Penitenciária (Seap) do Rio de Janeiro abriu um novo procedimento disciplinar contra a ex-deputada.

Os relatos da policial foram coletados em uma investigação aberta, por meio de uma notícia-crime, para apurar uma denúncia de extorsão e ameaças a Flordelis dentro da cadeia. Segundo a ex-deputada, a agente que prestou depoimento seria uma das responsáveis pelos “constrangimentos” sofridos pela pastora

(*Emilly Melo, estagiária, sob supervisão de Keila Ferreira, coordenadora do Núcleo de Política)

Palavras-chave

Brasil
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL