Entenda o que é o ‘Marmita Gate’, suposto caso de estelionato divulgado no Twitter

Internautas contestam a existência de uma das coordenadoras de um projeto destinado a oferecer alimentos para pessoas em situação de rua

Juliana Maia
fonte

No último fim de semana, um suposto caso de fraude no projeto “Alimentando Necessidades”, que realiza entrega de marmitas em Blumenau, Santa Catarina, para pessoas em situação de rua, repercutiu no Twitter. Segundo internautas, Maria Eduarda Poleza, responsável pelo projeto, arrecadava dinheiro para doações de alimentos que nunca foram entregues. Na rede social, o caso repercutiu e ganhou o nome de “Marmita Gate”.

VEJA MAIS

image Duas pessoas são presas suspeitas cometerem golpes de vendas com empresa de fachada em Belém
O prejuízo das vítimas chega a R$ 100 mil

image Falso contador é preso por estelionato em Belém
O homem respondia pelo mesmo crime desde 2005

image Cartório diz que estelionatários estão aplicando golpes em nome do estabelecimento
Criminosos estariam se passando por funcionários e cobrando dívidas inexistentes

Maria Eduarda Poleza e uma suposta segunda pessoa chamada Taynara Motta usavam o Twitter para mostrar as entregas das marmitas e pedir doação de qualquer valor para ajudar na distribuição destes alimentos para 26 pessoas em situação de rua, em Blumenau.

Desconfiança e fotos de terceiros

Várias atitudes das moças foram vistas como suspeitas por pessoas que doavam dinheiro ou por moradores de Blumenau que tentavam ajudar o projeto e nunca eram respondidos.

Em uma postagem, Maria Eduarda diz ter recebido carne estragada como doação. Em outra ocasião, falou que ela e Taynara Motta foram assediadas por um suposto doador, que enviou fotos íntimas pelo Whatsapp. Para os internautas, isto era apenas uma forma de impulsionar o suposto projeto para que mais pessoas transferissem dinheiro para a conta das jovens. 

Os usuários do Twitter descobriram que a foto enviada pelo suposto assediador pertencia a uma outra pessoa, o que gerou dúvidas quanto à seriedade do projeto. Desconfiados, seguidores procuraram informações sobre Taynara Motta em diversos sites, e não encontraram nada, nem mesmo fotos da jovem, o que reforçou a teoria de que ela e Maria Eduarda seriam as mesmas pessoas.

Taynara Motta existe?

No perfil do “Alimentando Necessidades”, Taynara Motta nunca aparece nos vídeos e fotos de preparo das marmitas, apenas Maria Eduarda Poleza. Além disso, não há qualquer Taynara entre os seguidores do projeto no perfil do Instagram. De acordo com os internautas, a foto usada por Taynara Motta no perfil do Twitter pertence a uma pessoa chamada Larissa.

Na segunda-feira (26), Maria Eduarda Poleza fez uma live em uma rede social se manifestando e afirmando que o projeto social existe. Questionada sobre a ausência de Taynara Motta, a moça disse a amiga não quis aparecer e optou por gravar um vídeo com seu pronunciamento.

O vídeo também foi visto como suspeito pelas pessoas que acompanham o projeto, já que aparentemente, na gravação, Taynara Motta usou filtros que modificam o rosto, além de ter alterado sua voz em aplicativos.

Veja mais publicações sobre o caso

(Estagiária Juliana Maia, sob supervisão da editora web de OLiberal.com, Vanessa Pinheiro)

Brasil
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL