Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Aluna é investigada por ameaça de massacre após compartilhar fotos de uma mochila com fuzil

‘Pra todo mundo morrer’, escreveu a adolescente na legenda da postagem

Emilly Melo

Uma adolescente de 17 anos está sendo investigada por ameaçar promover um massacre na escola onde estuda, em Goiânia, na última quinta-feira (17). A aluna compartilhou uma foto da mochila usada para levar o material escolar junto com um fuzil em um grupo de WhatsApp que reúne outros estudantes da instituição. “Tudo pronto pra amanhã”, colocou na legenda. “Mais fácil fazer um massacre nessa m***a de escola pra todo mundo morrer”, escreveu na mensagem ao grupo.

A diretora da instituição acionou a Delegacia de Apuração de Atos Infracionais (Depai) alegando estar apavorada e com medo que a adolescente provocasse um massacre quando chegasse ao local. Uma equipe da unidade foi deslocada para o endereço da aluna assim que recebeu a informação, mas ela não estava em casa. “Conversamos com familiares e descobrimos que ela estava na casa de um namorado. Ao chegar lá, ela já estava vestida para ir para a aula, mas não encontramos nenhum vestígio de arma de fogo [na mochila]”, afirmou o delegado Rodrigo do Carmo Godinho.

As equipes fizeram buscas na casa do namorado da suspeita, um jovem de 27 anos, e também não encontraram o fuzil. “Conversando com a adolescente, ela disse que aquilo [postagem] era coisa comum, o que não procede. Depois, alegou que fez aquilo por brincadeira. Questionada se tinha alguma rival na escola, ela garantiu que não. Foi uma maneira de provocar alvoroço”, disse o delegado.

Apesar da jovem ter dito que pegou a imagem da internet, as autoridades vão investigar a existência da arma. Segundo a Polícia Civil, a aluna entendeu a gravidade da situação. “A investigação busca entender o motivo que levou a essa atitude. Ela sabe o que fez, se desculpou, ficou envergonhada e, em alguns momentos, chegou até a chorar”, ressaltou Godinho.

(*Emilly Melo, estagiária, sob supervisão de Hamilton Braga, coordenador do Núcleo de Política)

Brasil
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL