Mulheres Trans debatem representatividade no Núcleo de Conexões Na Figueredo

Conversa terá participação de Isabela Santoninne, Barbara Carolinne e Sophia Assunção, a partir das 18h

Redação Integrada

Nesta quinta (14), a partir das 18h, o Núcleo de Conexões Na Figueiredo promove um bate-papo sobre representatividade transfeminina, que pretende esclarecer e reafirmar a presença das mulheres trans no cotidiano.

A conversa terá participação de Isabela Santoninne, Barbara Carolinne e Sophia Assunção, com a mediação da psicóloga Allistra Oliveira. 

A programação faz parte do "Mês da Mulher Cloris Figueredo", uma programação com rodas de conversa, exposição e música para debater temas relevantes para as mulheres da atualidade. A maior parte da programação é gratuita. 

Sobre as participantes

Barbara Carolinne: Mulher transexual negra, acadêmica de Serviço Social - UFPA e ativista do movimento transgênero. 

Isabella Santorinne: Mulher trans, Coord. da Rede Paraense de Pessoas Trans, Conselheira estadual da Diversidade Sexual do Pará e Coord. de Saúde da Rede Trans Brasil. 

Sophia Assunção: Advogada graduada em Direito pelo Centro Universitário do Pará - CESUPA. Filiada da Rede Paraense de Pessoas Trans - REPPAT e da Comissão de Diversidade Sexual da OAB-PA. 

SERVIÇO

Mês da Mulher Cloris Figueredo

Bate papo: Elas - um debate sobre a representatividade transfeminina

Dia: 14 de março (quinta)

Hora: A partir das 18h

Onde: Núcleo de Conexões Na Figueredo (Av. Gentil Bittencourt, 449)

Entrada Gratuita

Belém