Caminhada em Belém ajuda a explicar como funciona o processo para adoção de crianças e adolescentes

A programação será no próximo sábado (25), a partir das 7h, no Parque do Utinga

O Liberal
fonte

Dia Nacional da Adoção é no próximo sábado (25) e a 1ª Vara da Infância e Juventude de Belém promove a Caminhada Comemorativa no Parque do Utinga, com concentração às 7h. Entre os anos de 2022 e 2024, foram registradas cerca de 37 adoções na 1ª Vara da Infância e Juventude de Belém. Atualmente, há 11 crianças e adolescentes aptos para adoção na Comarca de Belém. Desses, nove possuem deficiência ou doença detectada. Todos (as) são pardos (as) e, deste total, quatro são adolescentes.

O propósito de mobilização é intensificar os esclarecimentos a respeito dos procedimentos legais para adotar crianças e adolescentes no Estado do Pará. Qualquer pessoa pode participar desse ato. Basta se inscrever no site do Tribunal de Justiça do Pará. 

VEJA MAIS:

image 2% das crianças se adequam ao perfil de adoção, diz juíza paraense
O brasileiro prefere crianças de no máximo 3 anos, que sejam brancas e não tenham irmãos. O processo de adoção nem é exatamente longo, reforça a juíza Rubilene do Rosário

image Campanha Papai Noel dos Correios 2023 será lançada em Belém no dia 17
Nessa data, começará a adoção de cartinhas no Pará para quem quiser concretizar o presente de Natal de crianças de famílias de baixa renda

Dados do Pará

Disponibilizado pelo Conselho Nacional de Jusiça (CNJ), o SNA apresenta que 697 crianças e adolescentes estão em situação de acolhimento, 86 estão disponíveis para adoção e 80 estão em processo de adoção. No total, estão disponíveis 438 pretendentes para realizar adoção.

Desde 2022, cerca de 13 famílias homoafetivas realizaram adoção em Belém, número crescente se comparado a anos anteriores. Neste ano, ocorreram quatro adoções através do Sistema Nacional de Adoção (SNA) entre janeiro e abril de 2024. Foram 30 entre janeiro e dezembro de 2023 e 5 em 2022.

Programação

O projeto Conhecer para Adotar também realizará no dia 27 de maio, a partir das 9h30, um seminário, em parceria com a Escola Judicial do Poder Judiciário do Estado do Pará (EJPA), sobre adoção. O evento ocorrerá no auditório Desembargadora Maria Lúcia Gomes Marcos dos Santos, no Anexo II do prédio-sede do Tribunal de Justiça do Estado do Pará (TJPA).

A capacitação é voltada para a comunidade em geral, incluindo juízes(as), servidores(as) do TJPA e de órgãos parceiros, promotores(as) de Justiça, defensores(as) públicos(as), advogados(a), conselheiros(as) tutelares, comissários(as) da infância, agentes de proteção da infância e estudantes. O objetivo principal do seminário é de evidenciar a adoção como garantia do direito a convivência familiar de crianças e adolescentes e a responsabilidade da sociedade e das instituições na efetivação deste direito.

A 1ª Vara da Infância e Juventude de Belém solicita aos(às) participantes do seminário que, no dia do evento, doem 1 quilo de alimento não perecível para auxiliar o Estado do Rio Grande do Sul, que se encontra em estado de calamidade pública por conta das grandes enchentes. Dois dias antes do seminário, no sábado, 25 de maio (o Dia Nacional da Adoção), ocorrerá também uma caminhada no Parque do Utinga, em Belém, no intuito de aumentar o número de pretendentes à causa.

Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp e Telegram 📱
Belém
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BELÉM

MAIS LIDAS EM BELÉM