Belenense sofre com engarrafamentos após chuvas

Corrredores de tráfego ficaram repletos de veículos na saída do trabalho

Eduardo Rocha

Os condutores de veículos nos bairros de Belém foram novamente atingidos em cheio pelos efeitos da chuva forte que caiu sobre a cidade nesta terça-feira (18). Após o sufoco com a chuva torrencial na segunda-feira (17), moradores e condutores de veículos enfrentaram cenas de alagamentos e de engarrafamentos em vias públicas nos bairros. Corredores de tráfego foram tomados por veículos de todos os portes, de vez que os motoristas costumam se dirigir para esses locais, ao fugir de áreas alagadas em outros espaços da capital paraense.

Esse foi, por exemplo, o caso da avenida Almirante Barroso. Essa via registrou engarrafamento gigantesco da tarde para o começo da noite. Por volta das 16 horas, quando começou a chover, o trânsito nas vias de Belém começou a ficar lento. E muita gente em deslocamento pela rua procurou abrigo ou teve mesmo que sair correndo para sair da chuva e chegar a tempo em seus compromissos.

Nos corredores de tráfego, o volume de carros de passeio, motos, ônibus urbanos e caminhões, basicamente, elevou-se por volta das 16 horas, horário da volta do trabalho para casa para a maioria dos belenenses. Na avenida Romulo Maiorana, como verificado na segunda-feira, o trânsito voltou a ficar muito lento, a partir da avenida Dr. Freitas em direção ao centro da cidade.

 Na avenida Almirante Barroso, o engarrafamento foi um martírio para condutores de veículos.  Cristiano Chagas, 32 anos, vendedor de lanches na esquina da Almirante Barroso com a Lomas Valentinas, informou que ao chover forte as vias paralelas à Almirante Barroso (principal via de entrada e saída da capital paraense) ficam alagadas. Como saída, muitos motoristas desviam rota pela Almirante, que, então, fica congestionada.

“Teve muito carro parado aqui; o engarrafamento foi pior que ontem”, disse Cristiano. Para ele, na segunda-feira, muita gente foi surpreendida com a chuva forte, e, então, nesta terça, já optou por estar com o carro nas ruas para o deslocamento e melhor enfrentar a chuva. “Foi sufoco mesmo”, acrescentou. O engarrafamento de veículos no trecho perdurou até as 19h30.

Belém
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM BELÉM