Você Repórter

Com Mariana Azevedo e Wellyda Farias

Mande sua história ou denúncia e ela poderá ser transformada em notícia. Aqui é Jornalismo Colaborativo!

Artesão Nazareno Rosário reclama de lixo espalhado pela Travessa Barão do Triunfo

Segundo o morador, o caminhão de coleta não passa pelo local há quatro dias

Gabriel da Mota | Especial para O Liberal

Não é difícil transitar por Belém e encontrar lixo espalhado pelas vias. Nesta sexta-feira (01), ao longo da Travessa Barão do Triunfo entre a Rua Nova e a Travessa Visconde de Pirajá, no bairro da Pedreira, havia vários montantes feitos de resíduos orgânicos, eletrônicos e entulhos espalhados pelo canteiro central. O empalhador de cadeiras, Nazareno Rosário, 65 anos, mora na Barão e revela que o cenário é constante. 

image O artesão Nazareno Rosário, 65 anos, diz que o lixo está acumulado há quatro dias na Travessa Barão do Triunfo (Foto: Marx Vasconcelos | O Liberal)

“Esse lixo já é uma preocupação há bastante tempo. Às vezes, passa o carro da coleta. Hoje é dia, né? Não passou o carro”, denunciou o morador à nossa equipe de reportagem. Ele diz que o recolhimento do lixo deveria ser feito às segundas, quartas e sextas-feiras, mas o serviço costuma atrasar: segundo o artesão, os detritos estão na travessa há quatro dias, desde a última segunda-feira (27). 

“Em todo esse pedaço, ainda tem entulho que o pessoal joga. Dá rato, dá inseto, jogam bicho morto aí, às vezes” - Nazareno Rosário, 65 anos, artesão.

Seu Nazareno conta que, além da coleta irregular, a população do entorno despeja uma grande quantidade de lixo no local, a qualquer hora. “Quando a gente tá aqui, geralmente a gente não deixa [a população descartar o lixo], a gente chama atenção. Mas, quando não tem ninguém, eles aproveitam. Não tinha isso daí, agora é a maior porcaria”, lamenta.

image No trecho entre a Rua Nova e a Travessa Visconde de Pirajá, no bairro da Pedreira, os canteiros da Travessa Barão do Triunfo estão tomados de lixo e entulho (Foto: Marx Vasconcelos | O Liberal)

Apesar do cheiro desagradável no local, o denunciante, que gosta de sentar à frente de casa, diz que não há alternativa. “Incomoda, mas, às vezes, a gente quer bater um papo, bate um vento legal. A gente fica aqui, tá acostumado já com isso”, explica o morador, que se preocupa com o risco à saúde das crianças que correm pelo local. “A gente vê na televisão, o pessoal reclamando não só aqui, em todo canto”, opina, com relação ao problema que se repete em outros pontos da cidade. 

O que diz a Sesan

Em nota, a Secretaria Municipal de Saneamento de Belém (Sesan) informou que enviará uma equipe para verificar a situação no trecho denunciado, e que também irá notificar a empresa prestadora do serviço para regularizar a coleta no bairro e remover os resíduos do local. 

A Sesan pede à população que não descarte lixo de forma irregular, e ressalta que, no caso do lixo doméstico, respeite os dias e horários que o carro coletor passa no bairro. No caso de entulho, a Secretaria disponibiliza, gratuitamente, o Zap-Entulho que recolhe até um metro cúbico de resíduos por residência. O serviço pode ser solicitado, exclusivamente, por meio de mensagem no WhatsApp: (91) 98499-0059.

Para denunciar o descarte irregular de lixo doméstico ou entulho, os cidadãos podem contatar as redes sociais oficiais da Prefeitura de Belém, ou da Sesan. De acordo com a Lei 9.605, Artigo 54, o descarte irregular e indiscriminado de lixo é crime ambiental, com pena de até cinco anos de reclusão para os responsáveis pelo ato.

Como denunciar?

O projeto Você Repórter é uma iniciativa do Grupo Liberal, que busca reforçar a proximidade com os leitores e internautas, incentivando ainda mais o jornalismo colaborativo. Para participar das reportagens e conteúdos, compartilhando histórias, denúncias e sugestões de matérias com a redação de O Liberal,  acesse www.oliberal.com/voce-reporter. Você também pode se conectar usando o QR Code ao lado ou pelo WhatsApp (91) 98565-7449. A equipe de reportagem irá checar as informações e publicar o conteúdo em todas as nossas plataformas.

Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp e Telegram 📱
Você Repórter
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

OUTRAS NOTÍCIAS