Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Pará tem 11 candidatos ao Senado; saiba quem são

Na lista, tem ex-prefeito, ex-senadores e um deputado federal

Daleth Oliveira

No fim do prazo para apresentação do pedido de registro de candidatura, o Pará somou 11 candidatos à única vaga ao Senado. Na lista, estão ex-senadores, ex-prefeito e um atual deputado federal. Eles concorrem à vaga que será aberta com o fim do mandato do senador Paulo Rocha (PT).

Pelo calendário eleitoral, 12 de setembro, 20 dias antes do primeiro turno, é o prazo final para que todos os pedidos de registro de candidatura - e eventuais recursos decorrentes do processo - tenham sido devidamente processados, analisados e julgados pelos tribunais eleitorais competentes.

Veja quem são os 11 candidatos aos Senado:

  • Beto Faro (PT) - Aos 53 anos e natural do município de Bujaru, no nordeste estadual, Beto Faro é o candidato do Partido dos Trabalhadores (PT) para o Senado. A candidatura tem o apoio do PSOL e Rede. Faro está no 5º mandato federal pelo estado.
  • Delegado Jardel (Podemos) - O Podemos defende para o Senado o ex-vereador, por Santarém, no oeste do Pará, conhecido como Delegado Jardel, de 49 anos. Ele é policial civil e presidente da legenda no município santareno.
  • Elielton Lira (Avante) - Natural de Santarém, Elielton Rêgo Lira, de 49 anos, é o candidato do Avante. Casado e pai de quatro filhos, ele é comerciante. Formado em gestão ambiental, em 2020, exerceu o primeiro mandato como vereador em Santarém.
  • Flexa Ribeiro (PP) - O Partido Progressista (PP) confirmou o nome de Flexa Ribeiro, engenheiro de 77 anos, como candidato ao Senado nas eleições de 2022. Ele foi senador durante 14 anos, período em que representou o Pará no Congresso Nacional. No Senado, Flexa foi eleito o melhor senador do país, em levantamento da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), em 2018.
  • Gideon (AGIR) – O candidato do AGIR tem 35 anos e é advogado. Em 2020, foi candidato a vereador em Belém, pelo PTB. Na ocasião, obteve 977 votos e não foi eleito.
  • Mário Couto (PL) - O Partido Liberal (PL) defende para o Senado Federal o nome de Mário Couto, de 76 anos. Ele já foi senador (2007 a 2015) e voltou a disputar uma vaga. Em 2020, Couto concorreu também à prefeitura de Belém.
  • Paulo Castelo Branco (PROS) - O candidato ao Senado escolhido pelo Pros foi Paulo Castelo Branco, ex-superintendente do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), em Belém.
  • Manoel Pioneiro (PSDB) - A federação PSDB-Cidadania oficializou para o Senado o ex-prefeito de Ananindeua, Manuel Carlos Antunes, de 64 anos, mais conhecido como "Pioneiro". Ele é ex-prefeito de Ananindeua, cargo que exerceu por quatro mandatos, está na política desde 1988, tendo sido também, enquanto deputado estadual, presidente da Alepa.
  • Professor João Santiago (PSTU) - Aos 58 anos, Santiago é pós-doutor em sociologia e atualmente é coordenador licenciado do Sindicato dos Servidores Federais no Estado do Pará. Ele atua como professor da faculdade de ciências socias da Universidade Federal do Pará e também foi dirigente da Central Única dos Trabalhadores no estado. 
  • Renata Fonseca (PRTB) – Aos 36 anos, Renata Fonseca concorre pela primeira vez a cargo eletivo. Ela é policial civil.
  • Márcio Sabbá (Partido da Mulher Brasileira (PMB) - O Partido da Mulher Brasileira lança o policial rodoviário federal, Márcio Sabbá, mais conhecido como PRF Sabbá. Ele atua há 19 anos na área da segurança, e quer estrear na política.
Política
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍTICA

MAIS LIDAS EM POLÍTICA