Ministro das Cidades, Jader Filho vai retomar obras de 5 mil unidades do 'Minha Casa, Minha Vida'

Segundo o titular da pasta, o serviço deve ser iniciado imediatamente; R$ 10 bilhões do orçamento estão destinados ao programa

Camila Azevedo
fonte

Cinco mil unidades do programa habitacional "Minha Casa, Minha Vida" terão as obras retomadas imediatamente. A afirmação é do ministro das Cidades, Jader Filho, em entrevista à GloboNews nesta quinta-feira (05). O levantamento concluído e apresentado pela pasta na ocasião mostra que o total de moradias sem finalização no Brasil chega a 83 mil. No total, serão R$ 10 bilhões dentro do orçamento destinados à iniciativa, que é descrita como uma das prioridades do governo Lula.

O programa havia sido rebatizado de "Casa Verde e Amarela". De acordo com Jader, a recomendação de focar o ministério no "Minha Casa, Minha Vida" foi dada pelo presidente eleito. “E já tenho a notícia que nós temos 83 mil obras paradas, mas que podem ser retomadas, e, neste mês agora, imediatamente, já vamos retomar 5 mil casas”, destacou.

VEJA MAIS

image Ministro Jader Filho revela pedido do presidente Lula para programa do governo: 'casas com varanda'
'Minha Casa, Minha Vida' será uma das prioridades do novo governo e terá investimentos de até R$10 bilhões, segundo o ministro das Cidades

image Primeira reunião de Jader Filho com Lula será nesta sexta, diz ministro
Encontro será de boas-vindas, segundo o ministro, para alinhar direcionamentos junto com mandatário

image Helder propõe diálogo com Jader Filho e Waldez Góes para fortalecer região amazônica
Segundo ele, Pastas serão "extremamente importantes e relevantes" para dar esperança de presenças amazônidas nos Ministérios

O foco do programa vai ser a chamada “faixa 1”, ou seja, as famílias que têm renda de até R$ 1.800. “As casas precisam ter varanda e o presidente está querendo trazer dignidade. Não é porque essas pessoas são as que mais precisam que a gente não tem que dar uma coisa bacana, legal. Você tem que entregar uma coisa de qualidade. É uma coisa que é muito urgente, a gente precisa enfrentar isso, a gente anda nas cidades hoje e vê as pessoas na rua e essas pessoas têm pressa”, ressalta Jader.

Articulação entre setores será necessária para destravar processo, diz ministro

Jader Filho detalha que um pacto federativo será criado, envolvendo conversas com prefeitos e governadores para identificar quais são as prioridades dentro do programa habitacional. A alocação dos R$ 10 bilhões no ministério, depois da aprovação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC), também é um fator importante. “E fazer um cronograma, atacar imediatamente, mas tudo aquilo que estiver dentro do ministério já de pauta nós vamos colocar para andar. A partir daí, conversar para entender onde estão os primeiros problemas e ir para cima deles”, disse. 

Saneamento básico está entre as prioridades do ministério das Cidades

O serviço de saneamento básico no Brasil, como ressaltou o ministro, precisa de investimento do segmento privado e público para poder sanar os déficits existentes. Além disso, também é uma questão de saúde. “É um tema muito sensível e o presidente pediu que a gente tivesse muita atenção nisso e recomendou, também, que a gente incentive a questão do investimento privado neste ambiente. A gente precisa atrair investimento privado porque é um problema, os números são gigantesco”, apontou Jader.

Cerca de 1.200 cidades do país não têm nenhum tipo de iniciativa, segundo o ministro. “A gente precisa ter atenção, ter esse enfrentamento, e precisa discutir onde o segmento privado pode estar. A gente tem que incentivar para que ele esteja, porque precisa de muito recurso e o estado não tem o recurso inteiro para fazer isso”.

Política
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍTICA

MAIS LIDAS EM POLÍTICA