Governo brasileiro reconhece representante de Guaidó como embaixadora da Venezuela

País autorizou a instalação de um centro de distribuição de ajuda humanitária em Roraima, na fronteira entre os países

Reuters

O governo brasileiro reconheceu nesta segunda-feira a representante do autoproclamado governo interino da Venezuela, María Teresa Belandria, como embaixadora oficial do país, e autorizou a instalação de um centro de distribuição de ajuda humanitária em Roraima, na fronteira entre os dois países, afirmaram os representantes venezuelanos depois de um encontro com o chanceler Ernesto Araújo.

Segundo Belandria, ela e o coordenador de ajuda humanitária indicado por Guaidó, o deputado venezuelano Lester Toledo, irão ao Estado na próxima semana verificar a logística para fazer chegar a ajuda através da fronteira brasileira.

“Agora o governo brasileiro nos deu respaldo total para abrir um segundo caminho para ajuda humanitária”, disse Toledo a jornalistas.

O governo brasileiro já havia reconhecido Guaidó como presidente legítimo da Venezuela.

Política