Bolsonaro inaugura 51 quilômetros de pavimentação da BR-163

Estrada agora liga, definitivamente, o estado do Mato Grosso aos portos de Miritituba, no Pará

Elisa Vaz

Ao lado de diversas autoridades, o presidente Jair Bolsonaro inaugurou, na tarde desta sexta-feira (14), 51 quilômetros da BR-163, ligando, definitivamente, o estado do Mato Grosso aos portos de Miritituba, no Pará. A obra de pavimentação da via era aguardada há mais de 40 anos pelos setores produtivos, moradores da região e transportadores de cargas.

Leia mais:

Bolsonaro diz que reeleição é algo natural: 'Se você trabalhar, ela vem'

A inauguração da rodovia contou com a presença do governador do Estado, Helder Barbalho, do ministro de infraestrutura, Tarcísio Gomes, e outros representantes. A cerimônia foi realizada no município de Cachoeira da Serra, no território paraense, no quilômetro 102, o chamado “marco zero” da rodovia, onde se encontraram, em 1970, o 8º Batalhão de Engenharia e Construção do Exército, que tocou a obra a partir de Santarém, e o 9º Batalhão, responsável pelo trecho a partir de Cuiabá.

Com a entrega dessa parte da estrada, a BR-163 atingiu 100% de extensão pavimentada, beneficiando todos os transportes que fazem fluxo de carga e comércio dos portos da região Norte, já que a via é considerada o segundo maior corredor logístico do Brasil.

Na avaliação do governador Helder Barbalho, a conclusão da pavimentação da rodovia vai desenvolver o Norte e um pedaço do Centro-Oeste. “Fechamos um ciclo de mais de quatro décadas, partindo da lógica de ‘integrar para entregar’. Um Estado de dimensões como as do Pará, com 1,248 milhão de quilômetros quadrados, tem grandes desafios, mas também oportunidades extraordinárias de produção rural, sustentabilidade, de logística, de geração de energia e outros. Isso faz desse Estado a síntese da Amazônia”, destacou.

A logística será um diferencial no Pará, segundo o governador, porque permite projetar o crescimento do Brasil a partir do Porto de Vila do Conde e do Arco Norte, tornando os produtos paraenses mais competitivos. “Faltam apenas outros 50 quilômetros para que a BR-163 esteja pavimentada de Cuiabá até Santarém, interligando toda esta região”, comentou Barbalho. O líder do governo paraense ainda disse que existe o desafio de concluir os 150 quilômetros restantes da rodovia Transamazônica no Pará.

Já o presidente do país, Jair Bolsonaro, em sua fala, destacou a sensação de dever cumprido. O mandatário pontuou que o governo federal tem buscado alcançar mais mercados, especialmente para os produtos que vêm do campo. “É um momento de alegria depois de 40 anos de sofrimento. Podemos sonhar em colocar o Brasil no lugar que merece, o país tem tudo para ser uma grande nação”, comentou Bolsonaro. Ele também disse que a conclusão das obras não é uma estratégia para “ganhar votos” ou “buscar a reeleição”. “Não estou preocupado com reeleição, isso é algo natural, se você trabalhar ela vem”.

Política
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!