logo jornal amazonia

Professor suspeito de estupro de vulnerável é preso preventivamente no Marajó

A ação ocorreu na quarta-feira (8/05), no município de Muaná, em cumprimento a um mandado

O Liberal
fonte

Um professor foi preso preventivamente suspeito do crime de estupro de vulnerável, no municipio de Muaná, no Marajó. A ação ocorreu na quarta-feira (8/05), em cumprimento a um mandado de prisão preventiva contra o investigado. Conforme a Polícia Civil, a vítima seria uma menina de 11 anos que estuda no local onde o suspeito leciona. 

A prisão do investigado ocorreu em meio a ações da campanha Maio Laranja, que visa a prevenção do abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes. De acordo com as informações policiais, o abuso sexual ocorreu em uma instituição de ensino, no período de recreio dos alunos. O investigado teria ficado sozinho com a criança na sala de aula. As autoridades encaminharam a vítima para o Conselho Tutelar, onde foi realizada a escuta especializada e encaminhamento para exame sexológico. Posteriormente, a violência sexual foi constatada. 

Com a confirmação do abuso, o suspeito foi levado para a unidade policial para passar pelos procedimentos cabíveis. Ele permanece preso e à disposição do Poder Judiciário.

 

Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp e Telegram 📱
Polícia
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA