Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Policial militar é preso por tentativa de duplo homicídio, no Pará

O militar é acusado de atirar em duas pessoas, em Breu Branco

O Liberal

Um policial militar lotado no 7º Batalhão de Polícia Militar de Redenção é acusado de tentar matar duas pessoas, em Breu Branco, no sudeste do Pará. A Polícia Civil instaurou inquérito para apurar o caso. Mas não revelou a identificação do acusado e das vítimas. O caso foi registrado no final de semana na zona rural do município. As informações são do portal Correio do Tocantins.

Segundo apurou o delegado Rommel Souza, até o momento o excesso de bebida alcoólica e, possivelmente, o uso de entorpecentes sejam as causas para um surto sofrido pelo policial militar durante uma negociação.

Homem é morto a facadas em Breu Branco
Bruno José de Souza foi golpeado até a morte no bairro Japonês. Polícia Civil investiga a autoria do crime

Acusado de assassinar adolescente é preso em Breu Branco
Chambertan Viana Borges confessou à Polícia Civil que executou Willian Neres de Aguiar, 16, na noite de terça-feira (4)

O delegado informou que o policial militar está afastado das funções por ordem médica. “Ele veio a Breu Branco para comprar peixe na Vila Mojuzinho. Em seguida, viajou até Tucuruí, onde comprou mais pescado no Km 11. Depois, retornou à Vila Mojuzinho e na companhia de quatro pessoas, entre elas dois adolescentes, o policial viajou até a Vila do Km 22. Ali, houve o tiroteio”, contou.

As primeiras informações apontam o policial disparou cinco tiros contra o motorista do carro no qual estava e também em um passageiro, amigo do motorista. Os dois adolescentes conseguiram sair do veículo e correr. O caso mais grave é o do motorista, que sofreu traumatismo craniano em decorrência do disparo. Ele está internado no Hospital Regional de Tucuruí e o estado de saúde “inspira cuidados”.

O passageiro sofreu tiros de raspão na cabeça e no braço e passa bem Moradores da Vila do Km 22 acionaram a Polícia Militar, que prendeu em flagrante o policial. Ele foi apresentado na delegacia, ouvido pela autoridade policial e entregue à corporação, sendo transferido para o Centro de Recuperação Coronel Anastácio das Neves, em Belém. O militar responderá pelo crime de dupla tentativa de homicídio. A Redação Integrada entrou com as polícias civil e militar e aguarda retorno.

 

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA