Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Idoso tem crânio afundado a pauladas por adolescentes em Alenquer, no oeste paraense

Abner Lopes da Silva, de 81 anos, foi encontrado sem vida na manhã desta terça-feira (22), na casa onde vivia

O Liberal

Um crime brutal assustou a população do município de Alenquer, no oeste paraense, na manhã desta terça-feira (22). Abner Lopes da Silva, de 81 anos, teve o crânio afundado e o braço fraturado a pauladas desferidas por pelo menos três adolescentes. Policiais militares foram comunicados da ocorrência por volta das 7h30 e seguiram até a rua 22 de abril, área da ocupação Grande Vitória. Lá, a guarnição encontrou a vítima sem vida no chão da residência. As informações são do G1 Santarém.

A cena de horror foi flagrada inicialmente pela filha do idoso, Ana Diulza Silva de Sousa, que foi a primeira a encontrar o corpo do patriarca com diversos sinais de violência. Um boné esquecido no local indicou a identidade de pelo menos um dos suspeitos do crime. Foi então que três adolescentes de 16 anos, vizinhos da vítima, foram localizados e conduzidos à delegacia de Polícia Civil, onde confessaram participação no homicídio.

A motivação, segundo os envolvidos no homicídio, foi uma frase dita pelo idoso, no momento em que os três passavam em frente à casa dele: "Já vão roubar na taberna". Isso foi o suficiente para o crime cruel. 

Depois disso, eles seguiram até um bar, onde consumiram bebidas alcoólicas e, por volta das 23h, voltaram à residência de Abner. Os três arrombaram a porta do local e encontraram o idoso em uma rede. Abner, então, teria sido imobilizado por um dos adolescentes, enquanto um segundo menor foi responsável por dar três pauladas no idoso.

Após o crime, o pedaço de madeira usado para golpear a vítima foi descartado em um matagal. Entretanto, os algozes não perceberam que o chapéu usado por um deles seria a principal pista para chegar até os autores do crime.

Os três adolescentes foram apreendidos e apresentados na delegacia de Polícia Civil para os procedimentos cabíveis.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA