Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Dupla suspeita de assalto é presa e quase linchada no conjunto Promorar, em Belém

Um dos suspeitos trajava camisa de mototaxista

O Liberal

Dois homens, um deles​ vestindo​ identificação de mototaxista, foram presos, na manhã desta quinta-feira (5), suspeitos de comete​rem​ uma série de assaltos no Conjunto Promorar, em Belém. Antes da captura, os suspeitos quase foram linchados pela população.

VEJA MAIS

Guarda municipal é vítima de tentativa de assalto no Umarizal
Três suspeitos foram presos e o carro utilizado na ação apreendido

Jovem contrata suposto mototaxista e quase acaba sendo assaltado
O caso ocorreu na passagem Dias Jr., no bairro da Pedreira, em Belém

Homem usa réplica de pistola para simular assalto a amigos e acaba morto pela PM
A vítima, que tinha 24 passagens pela polícia, teria simulado um assalto para "assustar" os amigos, mas acabou morto pela PM que o confundiu com falso bandido

O homem, de calça e sem camisa, ficou jogado no chão​, ​sendo agredido com chutes e socos por um grupo de motociclistas. Entre eles, alguns mototaxistas. O suspeito gritava​, possivelmente de dor​. “Agora é ai ai ai, né? Mas, quando vocês estão metendo o bicho num pai de família, vocês não querem nem saber. Deita aí, deita aí no chão”, ordena um motoqueiro.

O suspeito obedeceu mas, novamente, foi agredido. Neste momento, inclusive, um motociclista tenta passar com a moto por cima do homem. Ele consegue se levantar, tenta fugir, porém é alcançado e, mais uma vez, recebe vários chutes.

A informação de que o suspeito estava vestido de mototaxista foi confirmada por policiais militares do 27º Batalhão, que atenderam a ocorrência e prenderam os suspeitos. Ambos foram encaminhados para a Seccional da Sacramenta, onde foram autuados em flagrante.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA