Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Bandidos encapuzados invadem residência e executam três pessoas, entre elas uma grávida

Crime ocorreu no conjunto habitacional residencial Vale das Rosas, em Tucumã

O Liberal

Um triplo assassinato chocou moradores de Tucumã, município do sudeste paraense. Na noite da última terça-feira (26), dois homens encapuzados invadiram uma casa no residencial Vale das Rosas, e executaram à queima-roupa Eliene da Silva Raiol, Kleber Raiol Gurjão e uma adolescente de 17 anos, que estava grávida. Os corpos foram levados para perícia criminal no Instituto Médico Legal (IML) de Marabá. 

VEJA MAIS

Mototaxista é morto a tiros no meio da praça em Igarapé-Miri
Nenhum suspeito foi identificado ou preso

Homem mata mulher ao lado dos dois filhos, sendo um recém-nascido: ‘Dei muito tiro’; vídeo
Queven da Silva e Silva, de 26 anos, tem 47 passagens pela polícia, incluindo homicídio

Jovem é assassinado a tiros no meio da rua em Conceição do Araguaia
Polícia investiga o crime ocorrido nesta terça-feira (26)

A Polícia Civil informou em nota que "um inquérito policial foi instaurado para apurar a morte das três pessoas. Diligências estão sendo feitas para apurar as motivações e identificar os responsáveis".

Moradores do residencial Vale das Rosas, um conjunto habitacional popular com 850 casas, disseram à polícia que os criminosos já entraram na casa onde estavam as vítimas atirando. Havia outras três pessoas na casa, mas elas sobreviveram porque conseguiram se esconder em outros cômodos. Porém uma delas ainda chegou a ser atingida por um tiro de raspão no rosto, e contou que só escapou de ser alvo de novos disparos porque se fingiu de morta.

A adolescente grávida foi atingida com tiros na cabeça. Ela foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192) e levada em situação extremamente grave para um hospital local, de onde foi transferida para o Hospital Regional Público do Araguaia, em Redenção. Todavia, mãe e bebê acabaram morrendo antes mesmo de chegarem à unidade.

A Polícia Militar fez buscas na região, mas ninguém foi preso até o início da tarde desta quarta-feira (27). A Polícia Civil segue com as investigações para esclarecer a causa do triplo homicídio e localizar os assassinos. 

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA