logo jornal amazonia

'Babinha': Integrante de facção criminosa do Pará é preso no Ceará

Investigado comercializava e distribuía drogas para todo o Brasil, além de ser suspeito de envolvimento em mortes de policiais no Pará

O Liberal
fonte

Apontado como integrante de facção criminosa que agia no Pará e no Ceará, Fabrício Mendes de Morais, o 'Babinha', de 28 anos, foi preso na última quinta-feira, 22, no bairro Praia do Futuro, em Fortaleza (CE), nordeste do país. A prisão decorreu de ação integrada entre as Forças de Segurança do Ceará e a Polícia Civil do Pará (PCPA).

'Babinha' foi capturado quando trafegava em um veículo na região, que é considerada Área Integrada de Segurança 10 (AIS 10) do Estado do Ceará. Contra ele, havia um mandado de recaptura por ter fugido do sistema penitenciário paraense. Ele já possui passagens na polícia por associação criminosa, roubo qualificado e porte ilegal de arma de fogo.

 

De acordo com informações da assessoria do Tribunal de Justiça do Pará (TJPA), o acusado já estava foragido desde 14 de novembro de 2020. O pedido de recaptura havia sido expedido pelo juiz Deomar Barroso, da Vara de Execução Penal da Região Metropolitana de Belém.

Conforme informações da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Ceará (SSPDS-CE), Fabrício Mendes de Morais passou a ser investigado após ter sido deportado da Colômbia no ano de 2019. 

Na ocasião da deportação, o investigado usava um nome falso, que o permitiu ser posto em liberdade quando retornou ao Brasil. Ainda de acordo com levantamentos policiais, o indivíduo residia na região fronteiriça entre os países e era responsável pela comercialização e distribuição de drogas para todo o Brasil, além de ser suspeito de envolvimento em mortes de policiais no estado paraense.

A prisão de 'Babinha' foi desencadeada a partir de investigações desenvolvidas pela Polícia Civil do Pará com o auxílio da Coordenadoria de Inteligência (Coin) da SSPDS-CE e da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco) da PC-CE

A PCPA informa que Fabrício Mendes de Moraes está respondendo pelo crime de tráfico de drogas e roubo. "O acusado está à disposição da justiça", garante, em nota.

 

Denúncias

 

A população pode contribuir com as investigações repassando informações que auxiliem os trabalhos policiais, que podem ser encaminhadas ao Disque-Denúncia (181). A ligação é gratuita e pode ser feita de qualquer telefone. Também é possível mandar fotos, vídeos, áudios e localização para a atendente virtual Iara, pelo WhatsApp (91) 98115-9181. Em ambos os casos, não é necessário se identificar.

Às autoridades policiais e de segurança do Ceará também é possível enviar denúncias, por meio do 181, o Disque-Denúncia e também para o número da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS): (85) 3101-0181, que é o número de WhatsApp, por onde podem ser enviados mensagens, áudios, vídeos e fotografias.

A SSPDS também compartilha o telefone (85) 98969-0182, que é o Whatsapp da Draco-CE, por onde podem ser enviadas mensagens de texto, áudio, além de imagens e vídeos. O sigilo e o anonimato são garantidos.

Polícia
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA