logo jornal amazonia

Atentado a tiros deixa homem morto e colega baleado durante bebedeira no Pará

O caso aconteceu na madrugada desta sexta-feira (9); a vítima que sobreviveu ao ataque não soube informar a identificação dos suspeitos

O Liberal
fonte

Um atentado a tiros na madrugada desta sexta-feira (9) terminou com um homem morto e outro baleado na Rua Tapajós, à esquina da avenida Francisco Caldeira Castelo Branco, no Centro de Xinguara. O homem assassinado não teve o nome divulgado. Já o sobrevivente foi identificado como Leandro Nogueira da Silva.

VEJA MAIS

image Homem é morto com 20 tiros na frente da esposa e dos filhos em Xinguara
A vítima teve sua casa invadida; familiares não foram feridos

image Homem é morto a facadas após bebedeira em um bar de Uruará
A vítima chegou a ser socorrida para o hospital municipal, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. Um suspeito foi preso

image Adolescente morre após ser esmagado por caminhão na rodovia PA-370, em Uruará
O caminhoneiro foi encaminhado junto com o automóvel que dirigia à Delegacia de Polícia Civil (PC) para realizar os devidos procedimentos

Leandro contou à Polícia Civil que estava bebendo na rua, por volta de 4h, junto com um conhecido, quando dois indivíduos não identificados se aproximaram e fizeram vários disparos. Leandro foi atingido por um tiro na perna esquerda e o colega também foi baleado, mas ele não soube dizer quantos tiros e nem em que local.

Segundo a polícia, a equipe chegou a questionar Leandro para saber se ele havia chegado a gravar os rostos dos suspeitos ou poderia repassar alguma característica que pudesse ajudar na investigação, mas, devido ao fato de estar alcoolizado no momento do ataque, ele não apresentava condições de reconhecê-los. O homem portava uma faca na cintura, porém não teve tempo de reagir.

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) socorreu Leandro e o conduziu a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade. O caso segue sob investigação da Polícia Civil.

Quaisquer informações que possam ajudar na solução do caso podem ser encaminhadas ao Disque Denúncia (181). A ligação é gratuita e pode ser feita de qualquer telefone. Também é possível mandar fotos, vídeos, áudios e localização para a atendente virtual Iara, pelo WhatsApp (91) 98115-9181. Em ambos os casos, não é necessário se identificar.

Polícia
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA