Assaltante faz reféns em ônibus na BR-316 e é preso pela polícia

Tentativa de assalto ocorreu próximo ao viaduto do Coqueiro

Redação integrada de O Liberal

A Polícia Militar prendeu, por volta das 17h, um suspeito de tentativa de assalto em um ônibus da linha Aurá-Ananindeua. O coletivo, que trafegava no sentido Belém-Ananindeua, ficou parado por vários minutos na BR-316, próximo ao viaduto do Coqueiro. Houve grande movimentação de policiais no local.

Assista:

Segundo relatos, o suspeito teria descido de outro coletivo, na BR-316, uma linha de Águas Lindas, que trafegava no sentido Ananindeua. Segundo os rodoviários, ele portava uma faca e já teria feito outro assalto.

Passageirosforam feitos reféns por alguns minutos: assaltante tinha uma faca (Celso Freire)

RENDIDO

"Ele já tinha assaltado outro ônibus e atravessou para assaltar a gente", conta o motorista. "Ele entrou no ônibus anunciando assalto. E mandou eu continuar a viagem, lento. Foi quando, logo depois, uma viatura da polícia trancou o ônibus, já perto da passarela. As pessoas já tinham denunciado à polícia, por causa do outro assalto. Os policiais vinham seguindo nosso ônibus", contou o motorista Simão Pinheiro.

O ônibus da linha Aurá-Ananindeua tinha 15 passageiros no momento do assalto. Eles ficaram reféns por alguns minutos. "Ele pediu para subir com outros passageiros na parada. Depois que ele anunciou o assalto, passageiros ficaram em pânico. Alguns se jogaram do ônibus e se machucaram", conta o motorista.

 

 

"JÁ É O SEXTO ASSALTO"

"Já é o sexto assalto que sofro", desabafou Simão Pinheiro, que não sofreu nada. A redação integrada de O Liberal apura mais detalhes sobre as vítimas da tentativa de assalto. O acusado foi levado para a Seccional da Cidade Nova.

Polícia