Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Estudo revela que gatos podem associar nomes de outros gatos e pessoas com quem convivem

Além disso, a pesquisa demonstra que gatos que vivem em casas associam nomes com maior facilidade do que gatos de abrigos

Gabriel Mansur

Um artigo publicado no jornal Scientific Reports, em abril deste ano, apresenta um novo estudo conduzido por pesquisadores japoneses a respeito dos gatos. Segundo a publicação, os felinos reconhecem os nomes de outros gatos e pessoas com quem convivem, além do seu próprio. 

VEJA MAIS

Como cuidar de um cachorro ou gato antes e após castração?
Confira um mini manual de o que fazer para ajudar o animal de estimação ter uma recuperação melhor

Onde passear com pet em Belém: confira docerias que aceitam a entrada de cachorros e gatos
Muitas docerias e cafés de Belém permitem a entrada e permanência de cachorros e gatos. Confira quais são

Como denunciar maus tratos contra animais: para quem ligar e o que fazer
Veja como proceder em casos de suspeita de maus tratos contra animais, sejam eles cachorros, gatos, cavalos, pássaros e etc. O disque-denúncia é o 181, da Demapa

Para o site Asahi Shimbun, o pesquisador de ciência animal Saho Takagi, da Universidade de Azabu, no Japão, afirma: “O que descobrimos é surpreendente. Quero que as pessoas saibam a verdade. Os felinos não só parecem ouvir as conversas das pessoas, como, na verdade, prestam atenção”.

Como funcionaram os testes?

Os testes foram conduzidos em gatos que moravam em casas junto com outros felinos e em gatos que moravam em “cafés de gatos”, locais no Japão e em outros lugares do mundo que servem de abrigo para esses animais, onde oferecem serviço e os clientes podem interagir com os bichanos. 

Para isso, os pesquisadores mostraram fotos de gatos familiares (da mesma casa/café), chamados de “gatos modelos” e enquanto a imagem era exibida, uma gravação da voz do proprietário falava o nome do gato modelo em voz alta (chamada de condição congruente), ou um nome diferente (chamada de condição incongruente). 

Gatos domésticos tem mais facilidade de associação entre nomes

O descoberto é que gatos que moram em residências tiveram mais facilidade para reconhecer os nomes de gatos modelo. “Apenas gatos domésticos anteciparam um rosto específico de gato ao ouvir o nome do gato, sugerindo que eles combinavam com o nome do gato de estímulo e o indivíduo específico”, afirmam os pesquisadores em seu artigo. E continuam: “Ao ouvir o nome de um gato, os sujeitos esperavam o rosto correspondente”.

O artigo da Scientific Reports, afirma que os pesquisadores acreditam que a condição se dá pela observação da interação entre terceiros dentro da casa. Nesse caso, os gatos de café interagem com um número maior de gatos e de humanos, dificultando a socialização. 

Os mesmos pesquisadores realizaram a experiência com humanos como estímulos. Os gatos eram apresentados à imagem de indivíduos com quem viviam e o nome da pessoa era falado. Os gatos pareciam visualizar a tela por mais tempo quando a condição era incongruente. Para os pesquisadores, a condição pode ser dada pelo fato de os gatos estarem “confusos” com o erro. 

É necessário ressaltar que os pesquisadores afirmam que esse é um estudo muito pequeno, envolvendo uma amostragem de apenas algumas dezenas de gatos, sendo necessário confirmações futuras em outras pesquisas. Apesar dos estudos demonstrarem que esses animais associam rostos e nomes, ainda não se pode entender em definitivo como eles desenvolvem a associação. Isso se dá pela dificuldade de trabalhar com gatos. “Um gato completou apenas o primeiro teste antes de escapar da sala e sair do nosso alcance”, conta um dos pesquisadores.

(Estagiário Gabriel Mansur, sob supervisão do editor executivo de OLiberal.com, Carlos Fellip)

Pet Liberal
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS DE PET LIBERAL