Reino Unido adia próxima fase de suspensão da quarentena por aumento de casos de covid-19

No sábado, 1º de agosto, governo esperava reabrir várias dos estabelecimentos de maior risco

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, disse nesta sexta-feira, 31, que adiará o próximo estágio de afrouxamento da quarentena por pelo menos duas semanas devido a um aumento nas taxas de infecção pelo coronavírus.

"No sábado, 1º de agosto, esperávamos reabrir várias dos estabelecimentos de maior risco que permanecem fechados na Inglaterra... Hoje, sinto dizer que estamos adiando essas mudanças por pelo menos duas semanas", disse Johnson em coletiva de imprensa.

"Eu sei que os passos que estamos tomando serão um verdadeiro golpe para muitas pessoas. Sinto muito por isso, mas simplesmente não podemos correr o risco."

Mundo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!