Mãe 'reencontra' filha morta graças à realidade virtual; assista

Equipe de documentário leva oito meses para recriar criança em mundo imersivo

Redação Integrada com informações do TechTudo

O documentário de dez minutos "I Met You" (eu encontrei você) mostra o encontro emocionante, em realidade virtual, entre uma mãe e a filha morta. O caso retratado no vídeo ocorreu na Coreia do Sul.

O vídeo tem causado comoção, tanto pelo tema delicado de reencontro, como pelo realismo da imagem da menina Nayeon. A mãe, Jang Ji-Sung se emociona ao "reencontra" a filha, que foi vítima de uma doença rara, em 2016. A criança foi recriada em três dimensões pela equipe do documentário, podendo ser vista de forma imersiva, com óculos VR pela mãe. A mulher via a criança de modo mais realista, olhando para ela. Aos espectadores, a imagem, claro, é bidimensional e menos convincente.

“Mãe! Onde você esteve, mãe? Você pensou em mim?", pergunta a filha, correndo em direção à mãe. "Eu penso o tempo todo", responde a mãe, com a voz embargada. Jang acaricia o avatar da filha e consegue simular o "dar as mãos".

"Talvez isso seja o verdadeiro paraíso. Eu conheci Nayeon, que me chamou com um sorriso, por um tempo muito curto, mas foi um momento muito feliz. Acho que tive o sonho que sempre desejei", disse Jang.

O site Aju Business Daily afirma que a produção de "I Met You" levou oito meses para dar vida ao personagem Nayeon. Os movimentos foram capturados a partir de uma menina real, enquanto o rosto foi baseado em imagens da pequena Nayeon. O corpo e a voz foram criados em programas de modelagem de 3D.

O documentário está disponível, mas sem legendas em português.

Mundo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!