Idosa mata marido em estado terminal com tiro na cabeça

A ação teria sido planejada semanas antes pelo casal

Luciana Carvalho
fonte

No último sábado (21), uma idosa de 76 anos entrou em um hospital e matou a tiros o marido, que estava internado em estado terminal.  Após o crime, ela se trancou no quarto por três horas e então se entregou à polícia. As informações são do portal Extra.

Depois dos disparos, os policiais chegaram rapidamente ao hospital AdventHealth na Flórida para deter Ellen Gilland, que estava armada e fez barricada em um quarto no 11º andar. 

As autoridades policiais classificaram o  caso como "assassinato-suicídio premeditado". A ação teria sido planejada semanas antes pelo casal.  "Aparentemente, porque ele estava com uma doença terminal, eles conversaram e planejaram isso há cerca de três semanas. Se ele continuar piorando, ele queria que ela acabasse com aquilo", disse o chefe de polícia de Daytona Beach, Jakari Young. Jerry Gilland tinha 77 anos. O marido de Ellen era o único paciente no quarto.

VEJA MAIS

image Mulher mata amiga e leva corpo dentro de mala pelas ruas da Europa; entenda o motivo
O caso aconteceu em 2021, mas só agora que imagens de segurança foram divulgadas. A médica nega o crime. Pelo laudo, Jemma matou a idosa com um objeto pesado e perfurante

image Idosa reage a assalto e bate com raquete de matar mosquito em ladrão
Vítima conta que o suspeito arrancou uma corrente do seu pescoço e fugiu após se passar por entregador

O chefe de polícia também disse que Ellen planejava apontar a arma para si mesma, mas não conseguiu. A negociação para desarmar a idosa levou quatro horas. Ellen, que se negava a entregar a arma, só foi dominada após agentes usarem granada de efeito moral e arma de choque. Na ação, o idosa chegou a disparar para o teto.

"Ela está muito triste, é uma situação difícil", declarou Young. "Ela já estava em estado de depressão apenas porque seu marido estava com uma doença terminal e sabia que o fim estava próximo", completou ele. Ellen responderá por homicídio.

Mundo
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM MUNDO

MAIS LIDAS EM MUNDO