Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Chinês descobre traição após seguir GPS do telefone de esposa; nenhuma filha é biologicamente dele

Ele também descobriu que suas três filhas eram biologicamente de outras pessoas; O homem foi até as emissoras locais para pedir ajuda

Gabriel Mansur

Um homem de 45 anos, morador da província de Jiangxi, na China, descobriu que estava sendo traído pela mulher com quem esteve casado por mais de 16 anos, após rastrear a companheira usando o GPS do celular. Além disso, ele também descobriu que as três filhas são biologicamente de outra pessoa.

VEJA MAIS

Homem destrói carro ao flagrar suposta traição da mulher em Santarém
A ação foi registrada em vídeos, que começaram a circular nas redes sociais na tarde deste sábado (2)

Mulher revela ter sido convidada para trisal com Naldo e Moranguinho; casal confirma: 'Sem traição'
A convidada vazou vazou prints e áudios. Os artistas a acusam de querer aparecer.

Homem descobre que tem útero e ovários após passar 20 anos menstruando
Ele diz que urinava sangue e sentia dores abdominais uma vez por mês

O homem conhecido como Chen, trabalhava durante muito tempo fora de casa. Após a esposa parar de atender suas chamadas de vídeo e ligações, ele passou a desconfiar. Por esse motivo, ele decidiu seguir a mulher através do GPS do celular dela. Ele chegou a um hotel, onde encontrou a a esposa, Yu, com outro homem. Pouco depois da traição, ele descobriu que a filha mais nova era de outro homem, e apesar do caso, ele resolveu perdoar a esposa.

Após novos testes de paternidade, Chen descobriu que nenhuma das filhas é biologicamente dele. Com a descoberta, Yu fugiu de casa e cortou contato com o marido. O homem buscou a mídia local para procurar ajuda e contar a sua história, e foi filmado chorando pela TV China Jiangxi. 

Homem pede indenização pelo caso

Yu, em uma conversa com a mesma emissora, minimiza a situação: “Eu não o traí. A paternidade biológica é realmente importante? Conheço casais que não podem ter filhos e adotam crianças o tempo todo”, disse a mulher. Ela também criticou o homem, que pede uma indenização pelo caso:

“Por favor, tente ter empatia comigo. As três filhas o chamaram de ‘pai’ por muitos anos, mas agora ele diz que as filhas não são suas. Qual a diferença entre ele e um animal?”, pergunta a mulher. 

(Estagiário Gabriel Mansur, sob supervisão do editor executivo de OLiberal.com, Carlos Fellip)

Mundo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM MUNDO

MAIS LIDAS EM MUNDO