Bruxelas pretende banir motos das ruas

A medida é baseada em um estudo francês que aponta que as motos emitem mais poluentes que os carros

Agência Estado

O governo de Bruxelas, capital da Bélgica, estuda banir as motocicletas da cidade. A medida é baseada em um estudo francês que aponta que as motos emitem até 11 vezes mais monóxido de carbono e seis vezes mais óxido de nitrogênio que os carros.

Na Europa, os veículos de duas rodas precisam atender às normas de emissões de poluentes do Euro4, enquanto carros já estão no Euro6.

O governo belga fará um levantamento do volume de poeira fina e gases do efeito estufa produzido pelas motos que circulam em Bruxelas ao longo do ano. Com base nos resultados, será determinado se a restrição valerá para áreas específicas ou para toda a cidade.

A Federação de Automóveis e Motocicletas da Bélgica diz que o estudo é "provocação" e que o uso de motos ajuda a reduzir os congestionamentos.

Mundo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!