Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Argentina: governo anuncia obras e salário mínimo pode ser elevado

Além disso, um deputado governista, Marcelo Casaretto, apresentou projeto para permitir que se elevem por decreto os salários de funcionários com contrato

Agência Estado

O governo da Argentina anunciou nesta terça-feira, 14, o início de 25 obras em 15 províncias do país. "A pandemia não nos freou", afirmou o presidente Alberto Fernández no evento de lançamento dos projetos, de acordo com a agência oficial Télam. Além disso, um deputado governista, Marcelo Casaretto, apresentou projeto para permitir que se elevem por decreto os salários de funcionários com contrato, nos setores público e privado.

Fernández disse que agora é hora de "ordenar, continuar a fazer o que estávamos fazendo, fazer o que tivemos de adiar e corrigir o que fizemos mal", em referência às eleições, de acordo com a Télam. Segundo ele, "a Argentina merece algo melhor do que aconteceu com a gente em 2019", quando o presidente era o hoje oposicionista Mauricio Macri e o país viveu uma crise econômica. O presidente destacou a importância da eleição legislativa de novembro, após no domingo seu grupo ter tido um resultado ruim nas primárias para essa disputa.

Candidata da governista Frente de Todos a deputada, Victoria Tolosa Paz afirmou que nos próximos dias o governo publicará medidas na frente salarial, segundo a agência de notícias oficial. A política atribuiu o mal resultado nas primárias do domingo a reclamações na frente salarial, reconhecendo haver um eleitorado "que está em uma situação econômica difícil".

Palavras-chave

Mundo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM MUNDO

MAIS LIDAS EM MUNDO