Zagueiro e capitão do Paysandu, Genílson conversa com diretoria bicolor para renovação de contrato

Xerife de 32 anos foi peça chave na campanha que garantiu o terceiro título da Copa Verde para os bicolores

Luiz Guilherme Ramos

Um dos jogadores maia assíduos em campo durante o ano de 2022 pode renovar contrato por mais uma temporada. Ao menos no que depender da vontade do zagueiro GenÍlson, o destino dele pode ser aqui mesmo, no Paysandu. Segundo ele, as tratativas com a diretoria estão avançadas. 

Whatsapp: saiba tudo sobre o Paysandu. Recêêêba!

"(Renovação) Está em andamento, avançada. Eu quero ficar, permanecer aqui, minha família também. Tem outras situações, sinto que preciso resolver, além de cumprir o que fui mandado a fazer, que é colocar o Paysandu na Série B", comenta o experiente capitão de 32 anos, que vibrou bastante com a conquista do terceiro título da Copa Verde, o primeiro da carreira dele.  

"Deus nos honrou no final da partida. A gente fez um bom primeiro tempo, mas acabamos pegando um gol no momento em que o jogo estava sob controle. Sabíamos que o time deles ia jogar por uma bola, mas acreditamos até o fim e conseguimos fazer o gol do empate. E se fossemos para os pênaltis, estávamos convictos que iríamos levantar a taça", comenta o defensor, em entrevista ao Núcleo de Esportes de O Liberal, durante a comemoração do título na Curuzu. 

SAIBA MAIS

Torcedora do Vila Nova grava reação no gol do Paysandu: 'Não acredito nisso'; vídeo
Papão levou o tricampeonato da Copa Verde e classificou-se para a terceira fase da Copa do Brasil


Presidente do Paysandu avalia conquista da Copa Verde e afirma: 'Estamos no caminho certo'
Papão conquistou o tricampeonato do torneio regional


Paysandu renova com dois jogadores para 2023, afirma Ettinger
Papão conquistou o título nos pênaltis contra o Vila Nova, após João Vieira evitar a derrota no tempo normal


 

Apesar do interesse, ainda não há certeza sobre a permanência dele no Papão. Genílson foi contratado em dezembro de 2021 e teve o contrato encerrado no dia 15 de outubro, mas renovou para a disputa da Copa Verde, depois de acumular quatro acessos seguidos na carreira, três deles no ano passado, com Juventude, São Bernardo e Criciúma.

"Por isso eu quero ficar e venho conversando com a diretoria. Faltam alguns detalhes para acertar a renovação e eu espero que dê tudo certo para que eu possa continuar no Paysandu e ajudar o time a garantir esse acesso para a Série B do próximo ano", encerra o atleta. 

Paysandu
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM PAYSANDU

MAIS LIDAS EM ESPORTES