Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Treinador do Paysandu manda recado para os críticos: 'Ninguém vai escalar o time de fora para dentro'

Hélio dos Anjos irá para mais uma final de campeonato sob o comando do Paysandu

Nilson Cortinhas

Como é de seu feitio, o treinador do Paysandu, Hélio dos Anjos, não é de usar 'meias' palavras. Pelo contrário, em geral, é direto, enfático. E após a vitória contra o Paragominas por 2 a 0, que gerou a classificação bicolor para a final do Campeonato Paraense, Hélio mandou um recado para os críticos. "Ninguém vai escalar o meu time de fora para dentro. O modelo de jogo vai ser de dentro para fora", enfatizou. 

O triunfo ameniza o princípio de crise que rondava o estádio da Curuzu, depois de três resultados ruins - um empate contra o Santa Cruz (PE) e derrotas para o Paragominas e Vila Nova (GO). Segundo ele, a pressão é algo que faz parte do seu dicionário desde quando decidiu ser treinador do futebol, aos 28 anos. "Estou com cargo ameaçado desde o momento que assino o contrato".

A respeito do jogo, Hélio elogiou a atuação do meia Anderson Uchôa, apontado como peça chave no esquema bicolor. No mais, desacelerou o clima positivo. "Fizemos a nossa obrigação. Era vencer ou vencer. Não existe o Paysandu ficar fora de decisão de Campeonato Paraense", ressaltou. 

Entre as características adquiridas, um é tida como essencial para esses momentos decisivos. "Meu time foi frio. Nossa posse de bola foi agressiva, dentro do campo do adversário. E o adversário não queria jogar. Toda hora era gente caindo, queria tirar a nossa intensidade. Buscamos nos suplentes um gás novo. E a resposta foi boa". É a segunda final de campeonato que o Paysandu, sob o comando da atual comissão técnica, chega. A primeira foi na final da Copa Verde em 2019. O Papão foi vice-campeão, sendo surpreendido pelo Cuiabá. 

Sem essa

Em entrevista ao O Liberal, o treinador do Remo, Mazola Jr, ressaltou que aguardaria o Paysandu na final do Parazão. Hélio dos Anjos, por sua vez, não respondeu ao comandante rival, que disputa a outra semifinal com o Castanhal. "Não tenho preferência. O adversário que vier vai ser grande", colocou. 

O próximo compromisso bicolor será contra o Treze-PB, em jogo agendado para sábado (22), a partir das 19h, no estádio da Curuzu. 

Leia mais:

No sufoco, Paysandu vence o Paragominas e é o primeiro finalista do Campeonato Paraense

Paysandu
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM PAYSANDU

MAIS LIDAS EM ESPORTES