Brigatti crava permanência do Papão sem depender de outros jogos; entenda

Bicola precisaria golear o Atlético Goianiense por 6 a 0 para seguir na Série B sem combinação de resultados

Andreia Espírito Santo

Diante do momento turbulento pelo qual o Paysandu está passando, com o risco de 61, 2% de rebaixamento para a Série C, era de se esperar que o clima na Curuzu não fosse dos melhores. No entanto, não foi o que se viu no treinamento desta segunda-feira (19). Jogadores, comissão técnica e os funcionários do Paysandu pareciam tranquilos e confiantes em uma vitória no jogo contra o Atlético Goianiense. A partida será neste sábado (24), às 16 horas, na Curuzu, com transmissão lance a lance pelo OLiberal.com. 

Comentarista Carlos Ferreira dá receita para que o Paysandu se aproveite da sorte para se salvar da queda. Ouça abaixo!

- Veja mais análises de Carlos Ferreira aqui!

No treinamento realizado pela parte da manhã, na academia, os jogadores estavam descontraídos. Conversavam, achavam graça e passavam um semblante de tranquilidade a cada atividade física. Até o treinador do Paysandu, João Brigatti, mostrou estar confiante para um bom resultado no sábado. Durante uma corrida no gramado da Curuzu, Brigatti disse aos jornalistas presentes: "O Paysandu não vai cair. Escuta o que estou dizendo". 

O Paysandu é o 17º colocado, com 43 pontos. É um a menos que o 16º colocado, o Criciúma, e dois a menos que o 15º, o Oeste, e o 14º, o CRB. Para fugir do rebaixamento, além de vencer, o Paysandu precisa torcer pela derrota do CRB; ou derrota ou empate do Oeste; ou derrota ou empate do Criciúma. Mas para Brigatti, o Papão não vai precisar torcer por outros resultado. Ele acredita que o time bicolor vai se garantir sozinho. "Pode fazer 6 a 0 e não depender de ninguém", completou Brigatti. 

Leia Mais: 

Em semana decisiva na Série B, Paysandu se reapresenta na Curuzu

Complemento da rodada na Série B fez risco de queda do Paysandu aumentar

Papão divulga valores e pontos de venda de ingressos para jogo contra o Atlético-GO

Para Mike, o clima leve, descontraído e de confiança se deve pela sequência de vitórias nos últimos três jogos. "A equipe está bem confiante para o jogo. Sabemos que será difícil, porque a equipe do Atlético Goianiense é bem organizada. Mas temos que fazer uma grande semana e fazer a nossa parte, que é ganhar em casa. São três pontos em casa e torcer para resultado ser favorável nos outros jogos", afirmou o atacante do Paysandu. 

Apoio da torcida

As vitórias nas últimas três rodadas e a necessida de conseguir mais uma no sábado ainda podem fazer a fiel comparecer em bom número no sábado. Pelo menos é o que os jogadores esperam. Para eles, esse apoio da torcida será mais um combustível para o time garantir mais três pontos. "É decisão e contamos com a casa cheia porque será um jogo díficil. Queremos que a torcida lote a Curuzu no sábado e nos apoie. Vamos dar um bom resultado e vamos comemorar no final", garantiu o atacante Mike. 

 

Paysandu
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!