Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Palmeiras faz goleada relâmpago e vence o Ceará pela Copa do Brasil

Mesmo com oito desfalques na equipe titular, Verdão marca três gols em cinco minutos e constrói bela vantagem nas quartas de final da Copa do Brasil 

Gabriel Santos*

O Palmeiras bateu o Ceará por 3 a 0 na partida de ida das quartas de final da Copa do Brasil, no Allianz Parque, em São Paulo. Gustavo Scarpa, Raphael Veiga e Gabriel Veron marcaram os gols do Alviverde, que vai enfrentar o Vozão na próxima quarta-feira, às 19h, no Castelão, com uma boa vantagem.

Vale lembrar que o Palmeiras estava sem oito jogadores da equipe titular: Luan (Covid-19), Felipe Melo (fratura no tornozelo), Luiz Adriano (sobrecarga muscular), Wesley (lesão no joelho), Gabriel Menino, Gustavo Gómez, Matías Viña e Weverton (convocados para as Eliminatórias). Já o Vozão não teve o meia Vina, principal jogador da equipe, que está com Covid-19.

Agora, o Verdão vira a chave para jogar o Brasileirão, quando enfrenta o Fluminense sábado, às 21h30, novamente no Allianz Parque. No mesmo dia, o Ceará enfrenta o Grêmio, às 19h, no Rio Grande do Sul.

VEJA AQUI A TABELA DA COPA DO BRASIL

Sob chuva, jogo começa sonolentoO jogo começou com o Palmeiras tendo mais a posse de bola, enquanto o Ceará apostava nos contra-ataques. Aos três minutos, Zé Rafael bateu de fora da área, mas a bola passou ao lado da meta cearense. Após essa finalização, o jogo entrou em 'banho-maria', sem muitas emoções.

O Verdão voltou a assustar somente aos 25 minutos, quando Raphael Veiga chutou de fora da área, mas Fernando Prass defendeu. Enquanto isso, o Vozão não conseguia chegar ao de Jailson, sentindo os desfalques na equipe.

Palmeiras faz três gols em cinco minutos Parecia que o jogo ia se arrastar dessa forma até o intervalo, mas o Alviverde acordou. Tudo começou aos 34 minutos, quando Gustavo Scarpa aproveitou bate-rebate na área e bateu cruzado para abrir o placar. O Ceará sentiu o golpe e levou mais um aos 37. Gabriel Veron foi lançado na esquerda e cruzou rasteiro para Raphael Veiga bater de primeira e marcar o segundo.

Porém, o arranque palmeirense não parou por ai. Aos 39 minutos, Veron recebeu na ponta esquerda,cortou para dentro e bateu colocado, marcando um golaço e fazendo o terceiro da equipe no jogo em cinco minutos.

Segundo tempo começa e Verdão quase aumentaOs times voltaram do intervalo no mesmo ritmo do final do primeiro tempo: o Palmeiras apertando, enquanto o Ceará tentava se segurar. Aos três minutos, Scarpa cruzou na medida pra Willian, sozinho dentro da área, chutar para fora, perdendo uma grande chance.

O Ceará respondeu e conseguiu sua primeira finalização no jogo aos doze minutos da segunda etapa. Lima driblou Danilo e passou para Leandro Carvalho, que finalizou para fora dentro da área.

Ceará melhora e tem pênalti anulado pelo VAREm desvantagem no placar, o Vozão foi para cima tentando diminuir o prejuízo. Aos 26 minutos, Fernando Sobral fez uma boa jogada pelo meio, Wescley recebeu livre na grande área, mas chutou para fora.

Logo depois, aos 36, Leandro Carvalho disputou jogada com Renan e cai na área. O árbitro Braulio da Silva Machado marcou pênalti, mas anulou após revisão do VAR. Por reclamação, o técnico Abel Ferreira foi expulso.

Após o lance, o Palmeiras controlou bem a partida e não levou sustos até o apito final no Allianz Parque.

FICHA TÉCNICA PALMEIRAS 3 X 0 CEARÁData: 11 de Novembro de 2020Horário: 16h30 (de Brasília)Local: Allianz Parque, em São Paulo-SPÁrbitro: Braulio da Silva Machado (SC)Assistentes: Henrique Neu Ribeiro (SC) e Helton Nunes (SC)VAR: Heber Roberto Lopes (SC)Gols: Gustavo Scarpa (34'1ºT) (1-0), Raphael Veiga (37'1ºT) (2-0), Gabriel Veron (39'1ºT) (3-0)Cartões Amarelos: Emerson Santos e Renan (Palmeiras); Tiago e Fabinho (Ceará)Cartões Vermelhos: Abel Ferreira (Palmeiras)

PALMEIRAS: Jaílson, Marcos Rocha, Emerson Santos, Renan e Gustavo Scarpa; Danilo, Zé Rafael (Patrick de Paula, aos 15'2ºT), Raphael Veiga (Rony, Intervalo) e Lucas Lima (Alan Empereur, aos 24'2ºT); Gabriel Veron (Mayke, aos 29'2ºT) e Willian (Gabriel Silva, aos 29'2ºT). Técnico: Abel Ferreira

CEARÁ: Fernando Prass; Eduardo (Samuel Xavier, aos 35'2ºT), Tiago, Luiz Otávio e Bruno Pacheco; Charles (Wescley, Intervalo), Fabinho e Felipe Baixola (Leandro Carvalho, Intervalo); Fernando Sobral, Léo Chú (Lima, Intervalo) e Rafael Sobis (Felipe Vizeu, Intervalo). Técnico: Guto Ferreira

* Sob supervisão de Vinícius Perazzini

Palavras-chave

Esportes
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM ESPORTES

MAIS LIDAS EM ESPORTES