Para quitar atrasados, Remo e Paysandu assinam novo patrocínio com o governo do estado hoje

Clubes terão marca do Banpará acoplada aos nomes dos estádios Baenão e Curuzu

Redação Integrada

A dupla Remo e Paysandu corre atrás de novas receitas para fechar as contas durante a pandemia. Leão e Papão ficaram sem suas principais fontes e buscam por meio de uma parceria no formato de “naming rights”, com o Governo do Estado, receber um patrocínio em troca da exposição da marca nos estádios da Curuzu e do Baenão.

A assinatura de contrato ocorre hoje e contará com a presença do governador Helder Barbalho e representantes do Paysandu. Quem confirmou a informação foi o presidente Ricardo Gluck Paul. A reportagem entrou em contato com o presidente do Remo Fábio Bentes, mas até o momento não obteve retorno.

Os valores não foram revelados. De acordo com a apuração, gira em torno de R$1,5 milhão para cada clube, em duas parcelas, sendo uma delas liberadas ainda esta semana. No formato de “naming rights”, o Banco do Estado do Pará usaria a nomeclatura Banpará de forma agregada ao nome dos estádios da dupla Re-Pa - enquanto o Mangueirão estiver em reforma.

PAGAMENTOS DE ATRASADOS

Tanto o Paysandu quanto o Remo utilizarão parte da receita para o pagamento de débitos e salários com o elenco. Ricardo Gluck Paul foi enfático. "Vai operar o processo de quitação da folha de pagamento que será integralmente quitada nesta sexta-feira (23)"

No caso do Remo, o valor também será repassado ao projeto para a compra de cabos e refletores do estádio Baenão. 

PAYSANDU

O presidente do Papão, Ricardo Gluck Paul, informou que não viajou com clube à Paraíba (PB) para o jogo contra o Treze-PB, pela Série C, justamente para tratar da assinatura do contrato, além da quitação da folha salarial, que será paga aos jogadores e funcionários de forma integral. Ricardo respondeu o assunto para justificar críticas de oposicionistas.   

 

Futebol
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM FUTEBOL

MAIS LIDAS EM ESPORTES