Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Pagamento do Auxílio Brasil não forma longas filas em Belém

Beneficiários relatam dificuldades com o uso do aplicativo Caixa Tem

O Liberal

O Auxílio Brasil já reajustado para R$ 600 começou a ser pago nesta terça-feira (9), iniciando com os beneficiários com Número de Identificação Social (NIS) de final 1

VEJA MAIS

Auxílio Brasil: quem recebe o benefício hoje? Confira o calendário desta terça-feira (09/08)
O depósito desta terça-feira (09/08) será para os beneficiários que têm número do NIS com final 1

Auxílio Caminhoneiro: confira o calendário de pagamentos e quem recebe o benefício
Estão previstas seis parcelas de R$ 1 mil do auxílio até dezembro

Auxílio Brasil: sancionada lei que libera crédito consignado para beneficiários
Medida também amplia margem desse crédito a segurados da Previdência

Também começaram os pagamento do auxílio gás no valor de R$ 110 a 5,6 milhões de famílias e o auxílio aos caminhoneiros, com duas parcelas referentes aos meses de julho e agosto, totalizando R$ 2.000.

Dia tranquilo nas agências da Caixa

Apesar das diversas filas registradas em agências da Caixa Econômica Federal ao redor do país, em Belém, diversas agências estavam sem grandes filas e, algumas, sem qualquer tipo de fila, como foi o caso das agências nas avenidas Pedro Miranda e Doutor Freitas.

A agência na avenida Pedro Álvares Cabral, porém, possuía uma pequena fila na manhã de terça-feira (9), mas a maioria das pessoas estava lá para resolver outras pendências.

Hélio Silas tem três filhos e está desempregado. Ele aguardava na fila para tentar atualizar o cadastro de acesso ao aplicativo Caixa Tem, com o objetivo de receber o benefício virtualmente. Foi a terceira tentativa dele de regularizar a situação.

"A gente atualiza no celular e aí do nada sai. Quando a gente vai entrar de novo, pedem para a gente procurar uma agência da Caixa novamente. Esse vai ser um dinheiro bem-vindo. Tem muita gente precisando. Preciso comprar um terreno para construir uma casa para meus filhos, um terreno barato. Todo mundo que eu conheço está tendo problemas com o recebimento. Depois de dezembro vou tentar emprego. A gente manda currículo mas não aparece nada. O jeito é comprar água, vender no sinal", afirma. 

Auxílio Brasil: saiba como consultar o valor e se terá direito a receber o benefício
O benefício terá aumento no valor mínimo para R$600 e incluirá mais de 2 milhões de famílias que estavam na lista de espera; Saiba como consultar o valor e se terá direito ao Auxílio Brasil

Vale-gás vai pagar valor médio do botijão inteiro até dezembro; entenda
Serão três meses em que o valor integral do botijão será pago, já que o pagamento do benefício é bimestral

A autônoma Denise Franco também queria atualizar o cadastro. Ela planeja utilizar as parcelas do auxílio para expandir os negócios dela, no segmento de venda de roupas e calçados.

"Infelizmente o aplicativo fica fora de área e a gente não consegue resolver nada. A gente queria uma melhora no sistema. O meu planejamento é desenvolver minha microempresa, para avançar com as vendas. Quero aumentar meu negócio", diz ela, que tem dois filhos.

Confira as datas de pagamentos do Auxílio Brasil até dezembro:

Final do NIS / Datas

  • 1 - 09/8, 19/9, 18/10, 17/11 e 12/12
  • 2 - 10/8, 20/9, 19/10, 18/11 e 13/12
  • 3 - 11/8, 21/9, 20/10, 21/11 e 14/12
  • 4 - 12/8, 22/9, 21/10, 22/11 e 15/12
  • 5 - 15/8, 23/9, 24/10, 23/11 e 16/12
  • 6 - 16/8, 26/9, 25/10, 24/11 e 19/12
  • 7 - 17/8, 27/9, 26/10, 25/11 e 20/12
  • 8 - 18/8, 28/9, 27/10, 28/11 e 21/12
  • 9 - 19/8, 29/9, 28/10, 29/11 e 22/12
  • 0 - 22/8, 30/9, 31/10, 30/11 e 23/12

Palavras-chave

Economia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM ECONOMIA

MAIS LIDAS EM ECONOMIA