Feirão Limpa Nome oferece quitação de dívida por apenas R$ 50

Renegociação pode ser feita sem sair de casa, até o dia 30 de novembro

Elisa Vaz

Para ajudar os consumidores com dívidas em aberto, o Serasa realiza a 26ª edição do Feirão Limpa Nome, que deve quitar R$ 10 milhões em dívidas por apenas R$ 50, com o objetivo de ajudar brasileiros a regularizarem sua situação financeira, limpar o nome e voltar a ter acesso a crédito. Além disso, serão ofertados descontos de até 99%, com mais de 50 empresas parceiras dos mais diversos segmentos.

Belém está entre as dez capitais com os maiores índices de inadimplência, segundo levantamento realizado pelo Serasa, com 595.807 pessoas inadimplentes. Ocupando o nono lugar na lista, a capital paraense só ganha da cidade de Curitiba (567.433). Na comparação com o ano passado, no entanto, a posição é melhor: Belém estava em oitavo (656.177), na frente apenas de Curitiba (582.271) e Recife (649.790).

A edição deste ano deve beneficiar até 64 milhões de consumidores de todo o país, que poderão renegociar suas dívidas sem sair de casa, até o dia 30 de novembro, por meio dos canais digitais: site do Serasa Limpa Nome, Aplicativo da Serasa, Whatsapp (11-99575-2096) ou pelo 0800 591 1222. Também há a possibilidade de fazer a renegociação nas mais de 7 mil agências dos Correios em todo o Brasil, novidade trazida por esta edição. Outra inovação este ano é o Serasa Turbo, que permite aumentar o Serasa Score na hora, além de mostrar quanto pontos o consumidor irá aumentar antes de pagar a dívida.

Por fora do Limpa Nome, o Serasa também faz outras campanhas, entre março e setembro, com diversos parceiros para propor melhores condições na renegociação de dívidas e ajudar a população. Um exemplo foi a campanha de dívidas de até R$ 1.000 por apenas R$ 100. Só em agosto, quase três milhões de dívidas foram quitadas por meio dos canais digitais da empresa.

Confira algumas das instituições que participam do Feirão Limpa Nome 2020:

Itaú, Banco do Brasil, Claro, Nextel, Santander, Vivo, Renner, Riachuelo, Avon, Bradesco, Porto Seguro, Oi, Sky, Credsystem, Banco BMG, Casas Bahia, Ponto Frio, Unopar, Conect Car, Porto Seguro, Crefisa, Havan, Energisa, Nosso Lar, Novo Mundo.

Economia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM ECONOMIA

MAIS LIDAS EM ECONOMIA